0

Laércio torce o tornozelo e se torna dúvida do Santos para Libertadores

Defensor será avaliado e pode ser cortado da viagem para Quito, onde o Peixe enfrenta a LDU, nesta terça-feira (24), pelas oitavas de final do torneio continental

21 nov 2020
22h06
atualizado às 22h20
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O zagueiro do Santos Laércio é dúvida para o confronto diante da LDU (EQU), nesta terça-feira, pela ida das oitavas de final da Libertadores, em Quito. O jogador torceu o tornozelo direito no fim do primeiro da derrota por 1 a 0 para o Athletico-PR, neste sábado (21), pela 22ª rodada do Brasileirão, na Arena da Baixada, em Curitiba.

Laércio pode ficar de fora das oitavas de final da Libertadores (Foto: Reprodução/Dugout)
Laércio pode ficar de fora das oitavas de final da Libertadores (Foto: Reprodução/Dugout)
Foto: Lance!

O elenco do Peixe permanecerá na capital paranaense, onde treinará neste domingo (22), e depois viajará para o Equador. O Alvinegro já não terá Luan Peres, titular da função, acometido pela Covid-19. Lucas Veríssimo, recuperado do coronavírus, viajou para o Paraná, mas foi preservado. O defensor poderá ser utilizado pela contra a LDU. Além dele, Luiz Felipe, que atuou os 90 minutos contra o Furacão, Alex Nascimento, que entrou no lugar de Laércio, e Wagner Leonardo, que foi improvisado na lateral-esquerda nos últimos dois jogos, são opções para a zaga.

Contratado pelo Santos em setembro, após se destacar pelo Campeonato Gaúcho, onde foi vice-campeão, pelo Caxias, o zagueiro precisou aguardar um mês para ser oficializado, já que foi registrado nos poucos dias entre o pagamento da dívida que o Alvinegro tinha com o Hamburgo (ALE), por conta do não pagamento pela contratação de Cléber Reis, atualmente emprestado a Ponte Preta, em 2017, e o início da validade da ação da Fifa de banimento de transações pela inadimplência com o Huachipato (CHI) e Atlético Nacional (COL), pelo "calote" na contratação de Soteldo e Felipe Aguilar, vendido em março ao Athletico-PR.

Veja também:

Confira a repercussão da morte de Maradona na Argentina e pelo mundo
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade