2 eventos ao vivo

Em nota, Vasco protesta contra arbitragem e "mau" uso do VAR

Mensagem dura ao chefe da comissão de arbitragem critica anulação do gol de Werley, contra o Corinthians, e lembra outros prejuízos ao time

30 set 2019
18h38
atualizado às 18h53
  • separator
  • 0
  • comentários

Se no último domingo as palavras de Vanderlei Luxemburgo foram duras contra o chefe da comissão de arbitragem da CBF, Leonardo Gaciba, nesta segunda-feira o Vasco subiu o tom. Nesta segunda-feira, o clube enviou carta à CBF com críticas fortes à conduta dos juízes das partidas, ao que chamou de "mau uso do VAR" e ao prejuízo que isso tem causado ao Vasco no atual Campeonato Brasileiro.

A carta foi endereçada ao secretário-geral da CBF, Walter Feldman e a Gaciba, e publicada também no site oficial do clube. Assinada pelo presidente do Cruz-Maltino, Alexandre Campello, o documento cita "seguidos erros contra o clube" e "perda de pontos cruciais".

Imagens disponíveis não esclarecem a marcação de impedimento que anulou o gol do rival(Reprodução/Premiere)
Imagens disponíveis não esclarecem a marcação de impedimento que anulou o gol do rival(Reprodução/Premiere)
Foto: LANCE!

Confira alguns trechos do documento:

"... partidas do Vasco - para não citarmos também outros jogos da competição - vêm sendo sistematicamente maculadas pelo uso indevido e equivocado da tecnologia de vídeo. Uma ferramenta com o intuito de trazer justiça e reduzir a interferência de falhas humanas nos jogos tem inexplicavelmente surtido o efeito oposto..."

"... Brasil tem conseguido aumentar a incidência dos erros de arbitragem e o nível de intervenção dos juízes no placar final. Os critérios são confusos e aplicados de maneira distinta rodada a rodada..."

"... a própria imagem congelada disponibilizada durante a transmissão mostra que o jogador estava SOMENTE com o braço à frente do penúltimo atleta do Corinthians."

Neste último caso, o Vasco cita especificamente o gol de Werley, anulado pela arbitragem e cujas imagens divulgadas não comprovam o assinalado pelo VAR, e referendado pelo árbitro da partida, Ricardo Marques Ribeiro (Fifa/MG). O clube lembra que o mesmo Ricardo apitou pênalti na partida do Cruz-Maltino contra o Palmeiras. Mas lances como aquele em que foi marcado toque no braço esquerdo de Leandro Castan não estariam tendo marcação semelhante em outros jogos.

O Vasco lembra também prejuízo em jogos contra Grêmio, CSA e Athletico-PR. Diante do Tricolor Gaúcho, a partir estava 1 a 0 e, na origem da jogada que terminou no gol de Yago Pikachu, uma falta polêmica de Rossi foi marcada; diante das equipes alagoana e paranaense, a reclamação é de pênalti a favor não marcado.

A carta lembra que o próprio Leonardo Gaciba esteve no CT do Almirante na última semana. O chefe da comissão de arbitragem palestrou aos atletas, mas foi cobrado por Vanderlei Luxemburgo, após a partida. O Vasco pede a divulgação dos áudios e vídeos disponíveis da comunicação entre o quinteto de arbitragem que trabalhou no duelo entre o Cruz-Maltino e o Corinthians.

Veja também:

 

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade