9 eventos ao vivo
Logo do Jogos Pan-Americanos
Foto: terra

Jogos Pan-Americanos

Jogos Pan-Americanos

Alô, papai! David Moura atropela em 13s e é ouro nos pesados

Eduardo Palácio / Terra

Lugar mais alto do pódio nos Jogos Pan-Americanos de Toronto faz judoca brasileiro superar seu pai, bronze há 40 anos no México

14 jul 2015
22h43
atualizado às 23h26
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Tá no sangue! A história da família Moura nos Jogos Pan-Americanos ganhou um novo capítulo nesta terça-feira, no complexo esportivo de Mississauga, no Canadá. Assim como seu pai, David Moura se tornou medalhista no judô na competição. Mas não foi só isso, foi muito melhor. O peso-pesado brasileiro, que chegou ao torneio em cima da hora após o corte de Rafael Silva, o Baby, superou o bronze familiar e colocou a medalha dourada no peito, subindo no lugar mais alto do pódio. Na final, ele atropelou o equatoriano Freddy Figueroa com um ippon relâmpago, com apenas 13 segundos de luta. 

Em 1975, há exatos 40 anos, Fenelon Oscar Muller conquistava a medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos realizados no México. O novo campeão brasileiro nunca escondeu a idolatria pelo pai e sempre fazia questão de deixar claro quem foi o principal inspirados para sua carreira. "Ouvia muitas histórias do meu pai. Até participei de campeonatos de natação, mas retornei ao judô, que é um caminho de vida".

David Moura exibe sua medalha de ouro dos pesados
David Moura exibe sua medalha de ouro dos pesados
Foto: Eduardo Palácio / Terra

David Moura não teve vida fácil para chegar na final. venceu a primeira luta contra o peruano Joshua Santos Vasquez por imobilização. Na segunda, contra o venezuelano Pedro Pineda, muito mais pesado que David, o brasileiro soube utilizar da agilidade para impedir os golpes do rival e conseguir que os juízes aplicassem quatro shidos por falta de combatividade do adversário, garantindo assim a vaga na final.

 

Veja também:

Os maiores artilheiros estrangeiros da história do Vasco
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade