PUBLICIDADE

Brasil ganha mais medalhas, chega a 14 e mira recorde: veja quem já subiu ao pódio em Tóquio

Meta do COB é obter no Japão 20 conquistas, uma a mais do que foi na Olimpíada do Rio, em 2016

3 ago 2021 15h50
| atualizado às 17h20
ver comentários
Publicidade

Se o dia anterior havia sido um desastre para o Brasil nos Jogos Olímpicos, 24 horas depois a maré virou. O Time Brasil aumentou sua galeria de medalhas em Tóquio e agora se aproxima das 20 que o Comitê Olímpico do Brasil (COB) projetou. Não será fácil alcançar a marca, mas uma das apostas é em modalidades por equipe, como o futebol, que passou pelo México e chegou à final diante da Espanha, ou ainda da boxeadora Bia Ferreira, que já garantiu pelo menos o bronze.

No momento, o Brasil soma 14 medalhas, sendo três delas de ouro, já contando com a conquistada pela dupla Martine Grael e Kahena Kunze na vela. Elas chegaram em primeiro lugar na madrugada e conquistaram o bi da modalidade - também festejaram o feito no Rio, em 2016.

O Time Brasil ocupa a 18ª posição na classificação geral do quadro de medalhas. Nada mal para um país que ainda tem muito a desenvolver e investir em diversos esportes olímpicos. Outras três nações também possuem três medalhas de ouro. São eles: Canadá, Suíça e Croácia.

Para o leitor não se perder na contagem de conquistas, o Estadão faz um resumo dos brasileiros que já subiram ao pódio nos Jogos de Tóquio. Anote aí:

  • Rayssa Andrade
  • Mayra Aguiar
  • Italo Ferreira
  • Daniel Corgnin
  • Rebeca Andrade (duas)
  • Laura Pigosse e Luisa Stefani
  • Bruno Fratus
  • Kelvin Hoefler
  • Alison dos Santos
  • Abner Teixeira
  • Bia Ferreira
  • Thiago Braz
  • Fernando Scheffer

A China continua liderando a lista com 32 medalhas de ouro e 69 pódios no total, seguida pelos Estados Unidos, que somam 24 ouros e 73 medalhas no geral. Ninguém tem mais conquistas do que o time americano. O Japão, anfitrião do evento, ocupa a terceira colocação, com 19 medalhas de ouro e 36 no total. Com os Jogos Olímpicos entrando na reta final, esse panorama deve permanecer com pouca ou nenhuma mudança.

O Brasil ganhar algumas posições no quadro de medalhas com possíveis conquistas no futebol masculino, e vôlei masculino e feminino. Até o momento, há 84 países premiados com medalhas.

Estadão
Publicidade
Publicidade