PUBLICIDADE
Logo do

Guarani

Meu time

Guarani goleia o Brusque e sobe na classificação do Campeonato Brasileiro da Série B

Em começo de jogo frenético, o Bugre abriu grande vantagem sobre o Quadricolor e aplicar goleada

4 jul 2021 13h34
| atualizado às 14h04
ver comentários
Publicidade

Pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, em jogo frenético, o Guarani goleou o Brusque pelo placar de 4 a 1. Os três primeiros gols do Bugre foram marcados com meia-hora de partida. Dois de Régis e um de Diogo Mateus. Ainda na etapa inicial, Edu diminuiu para o Quadricolor. Mas no início da etapa complementar, Bruno Sávio matou qualquer possibilidade de reação da equipe catarinense e garantiu os três pontos na tabela.

Foto: Thomaz Marostegan/ Guarani FC
Foto: Thomaz Marostegan/ Guarani FC
Foto: Lance!

Com o resultado, o Bugre subiu na tabela de classificação, foi para 13 pontos e agora ocupa a 8ª colocação. O Quadricolor permanece no 7º lugar e com os mesmos 13 pontos do time de Campinas.

CALENDÁRIO

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, o Guarani enfrenta o Londrina, dia 09 de julho, às 19h, no estádio do Café. Já o Brusque recebe a equipe do CSA, dia 11 de julho, às 20h30, no estádio Augusto Bauer.

A partida

PRIMEIRO TEMPO

30 MINUTOS AVASSALADORES DO GUARANI

No meio da tabela e jogando em casa, o Guarani se viu na obrigação de partir para cima do Brusque. Em 30 minutos, o Bugre foi avassalador e atropelou o Quadricolor no Brinco de Ouro da Princesa.

Logo aos 4 minutos, o meia Régis é derrubado dentro da área por Toty e o árbitro não teve dúvidas para marcar a penalidade. O mesmo Régis partiu para a cobrança e abriu o placar: 1 a 0 para o Guarani.

O Brusque foi em busca do empate e até chegou a empatar com Edu, em gol de bicicleta, mas foi marcado o impedimento. A resposta do Guarani foi em forma de gol, aos 17 minutos. O lateral-direito Diogo Mateus recebeu passe dentro da área e finalizou com maestria: 2 a 0.

O Quadricolor sentiu o baque e Bugre aproveitou para ampliar o marcador. Aos 26 minutos, Régis, que já tinha perdido uma oportunidade poucos minutos antes, recebeu a bola na entrada da área e bateu, a bola desviou em Everton Alemão e matou o goleiro do Brusque: 3 a 0.

BRUSQUE DIMINUI o PREJUÍZO

Aos poucos o time catarinense foi digerindo melhor a desvantagem, foi voltando para partida e criando boas oportunidades. E aos 36 minutos, Edu conseguiu marcar. Após troca de passes na intermediária, Edu recebeu passe e soltou o pé de fora da área. A bola desviou na defesa do Bugre e entrou no canto: 1 a 3.

SEGUNDO TEMPO

GUARANI FAZ O QUARTO NO INÍCIO DA ETAPA FINAL

Após um primeiro tempo tão intenso, era normal que os times voltassem para a etapa complementar em ritmo um pouco mais lento. Mas não foi o que o Guarani fez. Logo no primeiro minuto, o Bugre marcou mais um. Diogo Mateus achou Bruno Sávio dentro da área. Após receber o passe, o jogador do Guarani aproveitou e finalizou com muita qualidade: 4 a 1 para o time Bugrino.

BUGRE CONTINUOU CRIANDO CHANCES

O Brusque não desistiu da partida, mas sofria com os contra-ataques da equipe campineira. Júlio Cesar, Davó e Régis perderam ótimas oportunidades marcar o quinto gol e ampliar a goleada a favor do time do Guarani.

PRESSÃO DO BRUSQUE NO FIM DO JOGO NÃO REDUNDOU EM GOL

O Guarani reduziu o ritmo do meio para o fim da partida. O Brusque cresceu no jogo e começou pressionar em busca de diminuir a grande vantagem no placar. Edu (duas vez) e Jhon Cley poderiam ter marcado, mas a trave, a falta de pontaria e o goleiro Gabriel Mesquita, do Guarani, garantiram a goleada de 4 a 1 do Bugre.

GUARANI 4 x 1 BRUSQUE - CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE B - 9ª RODADA

Estádio: Brinco de Ouro, em Campinas (SP)

Data: 04 de julho de 2021, às 11h (de Brasília)

Árbitro: Rodrigo da Fonseca Silva (MT)

Assistentes: Fabio Rodrigo Rubinho (MT) e Marcelo Grando (MT)

Cartões amarelos: Índio (GUA), Toty (BRU)

Cartões vermelhos:

GOLS: Régis, 04'/1ºT (GUA); Diogo Mateus, 18'/1ºT (GUA); Régis, 26'/1ºT (GUA); Edu, 36'/1ºT (BRU); Bruno Sávio, 01'/2ºT (GUA).

GUARANI (Técnico: Daniel Paulista)

Gabriel Mesquita; Diogo Mateus, Ronaldo Alves (Titi, aos 37'/2ºT), Carlão (Índio, aos 22'/1ºT) e Bidu; Bruno Silva, Rodrigo Andrade e Régis (Andrigo, aos 20'/2ºT); Bruno Sávio, Júlio César (Allanzinho, aos 20'/2ºT) e Davó (Lucão do Break, aos 20'/2ºT).

BRUSQUE (Técnico: Jerson Testoni)

Jefferson Paulino; Toty (João Carlos, aos 14'/2ºT), Éverton Alemão (Claudinho, aos 23'/2ºT), Ianson e Airton; Fillipe Soutto (Rodolfo Potiguar, aos 7'/2ºT), Zé Mateus e Diego Mathias (Jhon Cley, aos 7'/2ºT); Gabriel Taliari (Bruno Lopes, aos 7'/2ºT), Edu e Thiago Alagoano.

Lance!
Publicidade
Publicidade