PUBLICIDADE
Logo do Grêmio

Grêmio

Favoritar Time

Suárez passa a limpo ano no Grêmio e se diz 'orgulhoso' por temporada

Uruguaio afirma que sentirá saudades de Porto Alegre e enaltece Renato Portaluppi. Suárez deverá jogar com Messi no Inter Miami

10 dez 2023 - 21h53
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Lucas Uebel/Grêmio - Legenda: Suárez se despediu de Porto Alegre com festa dos torcedores / Jogada10

De saída do Grêmio, o atacante Luis Suárez passou a limpo a temporada de 2023 pelo clube gaúcho. Prestes a completar 37 anos, o uruguaio fez um balanço e afirmou que deixa Porto Alegre orgulhoso. Afinal, em 54 jogos, foram 29 gols marcados e 17 assistências.

"Chegando ao final você começa a lembrar tudo. Acho que foi muito legal até mais do que imaginava. Chegar aqui no futebol brasileiro e fazer o que fiz acho que tenho que ficar orgulhoso. O dia que chegamos no aeroporto eu não acreditava no que estava olhando. Meus filhos também ficaram muito felizes. Depois você olha tudo que tem a sua volta e não tem como não entregar no campo e tentar fazer o melhor. Jogar futebol, procurar fazer gol, procurar ajudar o time com assistência, com alguma coisa. Tem que fazer tudo isso com o carinho dado desde o primeiro dia", disse Suárez em entrevista ao "Esporte Espetacular".

Renato Portaluppi e o DVD

O agora ex-camisa 9 gremista elogiou o técnico Renato e afirmou que chegou a se aconselhar com De Arrascaeta, do Flamengo, sobre o treinador. Além disso, o centroavante afirmou que sentirá saudades do Brasil e do convívio diário.

"Muitas (saudades de Porto Alegre). Foi um ano que não acreditava que ia jogar aqui no Brasil, mas aconteceu. Aproveitamos muito com minha família fora de campo também. Se eu te falar que tem muito jogo, viagens muito longas. Mas acho que também como o Renato também conhece e sabe administrar essa situação foi bem. Mas tenho saudade de tudo, do dia a dia no CT, no Grêmio, saudade da torcida. Jogar na Arena era bem legal. Também toda a paixão que o torcedor brasileiro tem", afirmou.

"Ele é muito engraçado, muito próximo ao vestiário e isso para o jogador é bem legal. Dá confiança também. Jogou muito futebol. Ele sabe muito o que acontece dentro do vestiário. E para o grupo foi bom. Não conhecia ele, mas o Arrascaeta havia falado como ele era para o grupo. Depois tem a parte tática, psicológica que também ajua muito. Tivemos um ano bem legal nesse sentido. Ficamos quatro, cinco jogos sem ganhar e ele sempre da mesma maneira. Quando tem que trabalhar se trabalha sério. Quando tem que brincar se brinca. Ele é assim e tem que conhecer ele para entender", completou.

Em sua coletiva de despedida, Suárez recebeu um DVD de Renato Portaluppi. O atacante, porém, brincou com a situação e disse que o treinador está ultrapassado.

"O que acontece é que o DVD já não se usa mais, ele é muito velho (risos). Eu ia falar para ele: "Coloca no 'Google', na internet 'Luis Suarez, gol'", brincou.

Veja outros trechos

Futuro

"Agora preciso e necessito pegar umas férias com meus filhos, minha mulher. Para minha mulher agora não é fácil pegar todas as coisas e ir embora. Falavam para a Sofia dizer para eu ficar, mas minha mulher sempre me deixou fazer o que mais gosto que é jogar futebol. Eu decidir. E ela já sabe o que sinto no dia a dia. Por isso tivemos que tomar a decisão do Luis Suárez humano e agora começar as férias para aproveitar com eles que eu preciso."

Prêmio de craque do Brasileirão

"Não sei se justo, mas procuro fazer meu melhor trabalho. Sou um cara profissional que trata de fazer sempre a mesma coisa. Jogar muita bola, ajudar meu time. Mas tem grandes jogadores que jogaram aqui esse ano. É muito difícil pegar esse prêmio. Tem jogadores como Hulk, Paulinho, Tiquinho Soares, o primeiro turno que ele fez foi perfeito, depois tem grandes craques como Arrascaeta. Já vai para 3,4,5 anos aqui no Flamengo em alto nível. É difícil."

Realização com a carreira

"Até mais do que eu imaginava na minha carreira. Teve muitas coisas na minha carreira que jamais imaginei. Queria jogar futebol quando criança. Chegar ao Nacional, jogar na seleção todo mundo fala. O que tenho que valorizar é que cheguei e mantive lá em cima. Não é fácil. Cumpriu-se tudo que eu queria e mais do que queria."

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.
Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Publicidade