PUBLICIDADE
Logo do

Grêmio

Meu time

Belmonte busca parceiros por Douglas Costa e cita lição de Daniel Alves no São Paulo

23 dez 2021 21h06
| atualizado às 21h06
ver comentários
Publicidade

O São Paulo segue ativo no mercado da bola para montar um elenco forte para a próxima temporada. Um dos principais alvos da diretoria é o Douglas Costa, que vestiu a camisa do Grêmio em 2021 e ainda pertence à Juventus, da Itália.

A negociação, porém, não é nada fácil. Devido a crise financeira que o Tricolor Paulista atravessa e o alto salário do atacante, os dirigentes são-paulinos buscam algum parceiro para ajudar no investimento, conforme explicou Carlos Belmonte nesta quinta-feira.

O diretor citou a recente contratação de Daniel Alves como um exemplo a não ser seguido. Na ocasião, o São Paulo acabou não conseguindo encontrar parceiros para arcar com os vencimentos do experiente lateral-direito, que deixou o clube em setembro. Agora, restou uma divida de R$ 24 milhões com o camisa 10.

"Existe o desejo, mas o Douglas Costa é um jogador mundial, com passagem pela Europa, um jogador que para o padrão atual do São Paulo é muito caro. Então, temos trabalhado na busca por parceiros para que, eventualmente, possamos ter um jogador tipo Douglas Costa. Entendemos que precisamos de jogadores desse perfil, mas não temos dinheiro para pagar e não faremos o que foi feito com o Daniel Alves. Ou seja, primeiro trazer o atleta e depois procurar os parceiros e aí eles não aparecem e você não consegue fazer os pagamentos. Estamos fazendo o trabalho ao contrário. Só traremos se tivermos um parceiro interessado em nos ajudar com o salário", disse a BandSports.

O momento de Douglas não é dos melhores. Sua passagem pelo Grêmio foi marcada por lesões e polêmicas extracampo. Na última rodada do Brasileirão, contra o Atlético-MG, o jogador comemorou seu gol fazendo um sinal de "tchau" para a torcida gremista. Pelo clube, o atacante marcou três gols em 28 jogos.

O contrato de empréstimo do Douglas Costa com o Grêmio vai até junho de 2022. Seu contrato com a Juventus se encerra no mesmo período, mas em 2023.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade