1 evento ao vivo

Eliminação da Grécia tem fim de ciclo e adeus de Karagounis

30 jun 2014
07h35
  • separator
  • comentários

O domingo marcou a eliminação da Grécia da Copa do Mundo após derrota nos pênaltis para a Costa Rica, na Arena Pernambuco, em jogo pelas oitavas de final da competição. Entretanto, a tristeza helênica não ficou só por conta da queda no Mundial. Capitão da equipe, o meio-campista Giorgos Karagounis confirmou que fez sua última partida pelo time europeu.

<p>Giorgos Karagounis fez seu último jogo pela Grécia</p>
Giorgos Karagounis fez seu último jogo pela Grécia
Foto: Brian Snyder / Reuters

Quer acompanhar as notícias e jogos da sua seleção? Baixe nosso app. #TerraFutebol

"Este foi meu último jogo pela Grécia. Queria ficar por mais uma semana ou até mais, mas não é possível mudar isso", disse o veterano de 37 anos, que, com 139 jogos, é o atleta que mais vezes vestiu a camisa grega.

Além do adeus de Karagounis, a derrota marcou a saída do técnico Fernando Santos, que estava no cargo desde 2010. O treinador falou com certa mágoa sobre o fim de seu contrato e sugeriu que a Federação Helênica de Futebol não tinha muita fé na equipe.

"Fernando Santos é um grande treinador, mas todas as coisas boas acabam eventualmente. Também pelo Karagounis, que se despediu hoje da seleção. A história continua", afirmou o zagueiro Sokratis Papastathopoulos, responsável pelo gol grego no empate por 1 a 1 com a Costa Rica no tempo regulamentar.

O defensor de 26 anos ainda tem idade para disputar muitos outros jogos pela seleção helênica, e por conta disso pediu calma para que seja formado um novo time para as próximas competições. "Temos muitos jogadores jovens que dão tudo pelo time. Temos que ter calma para ter sucesso na próxima Eurocopa e também nas Eliminatórias da Copa do Mundo. Precisamos estar prontos", avisou Papastathopoulos.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade