3 eventos ao vivo

Preocupado com a degola, CSA encara Vasco para tentar se reabilitar

Argel Fucks deixa dúvida sobre quem será o titular na lateral direita do time alagoano

4 ago 2019
14h34
atualizado às 14h34
  • separator
  • 0
  • comentários

Com apenas uma vitória em 12 rodadas, o CSA volta a campo neste domingo focado na reabilitação para tentar sair da zona de rebaixamento do Brasileirão. Fora de casa, o time alagoano encara o Vasco, em partida disputada no estádio Kleber Andrade em Cariacica-ES, às 19h. Para esse duelo, o técnico Argel Fucks confirmou que não definiu quem será o lateral-direito. Dawhan e Apodi brigam pela vaga.

Argel acredita que o time evoluiu e que o empate com o Grêmio, que usou muitos reservas, "deu moral e confiança" ao grupo que tinha ficado muito abatido após a goleada sofrida, dentro do Rei Pelé, para o Athletico, por 4 a 0. "Aquilo foi uma pancada, mas reagimos rapidamente", assegurou.

A delegação deixou Maceió na sexta-feira e fez um treino leve sábado no Rio de Janeiro. "Vou esperar até o dia do jogo. Mas os dois estão em boa forma e motivados", alegou o técnico, que completou: "O Dawhan, que vinha sendo reserva, foi bem contra o Grêmio e se colocou de vez na briga com Apodi. De qualquer forma, nosso sistema de jogo e a base não vão mudar. Precisamos ser mais agressivos e finalizar mais", ressaltou o técnico, preocupado com a vice-lanterna e os sete pontos na tabela.

Para este jogo, o goleiro Jordi é baixa certo porque vai cumprir suspensão automática após receber o terceiro cartão amarelo na última rodada. Ele será substituído por João Carlos. Enquanto isso, Madson, Gamarra, Manga Escobar, Euller e Celsinho seguem entregues ao departamento médico. A esperança é de que alguns deles devam ficar à disposição em breve.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade