PUBLICIDADE
AO VIVO
Chico César faz show repleto de hits ao vivo no Terraiá, o São João do Terra

Mundial de Clubes

Felipe Melo detona jornal inglês que ironizou faixa etária da equipe do Fluminense: 'Idiotas'

Tricolor encara o Manchester City em busca do inédito título mundial

21 dez 2023 - 11h47
Compartilhar
Exibir comentários

Um dos jogadores mais experientes do Fluminense, Felipe Melo criticou o "The Telegraph", que ironizou a alta faixa etária do elenco. Em coletiva, o camisa 30 afirmou que se cuida e que tem capacidade para estar onde está.

Foto: Lance!

- Eu nunca tinha escutado falar desse jornal. Depois que eles falaram essa bobeira, acabei sabendo quem são. Foram inteligentes. É uma forma de chamar o público. As redes sociais vieram, dentre muitas coisas, para dar voz a muitos idiotas. Existem atletas com mais idade que conseguem jogar muitas vezes melhor do que garotos. Depende muito da forma como o atleta se cuida, da forma como ele age como profissional, da forma como ele é disciplinado.

O defensor também acredita na conquista do título do Mundial de Clubes com o Tricolor apesar do Manchester City estar do outro lado. O veterano relembrou a trajetória do Time de Guerreiros na temporada e que muitos obstáculos foram batidos.

- Minha fé leva a crer que todo é possível a quem crê. Era impossível classificarmos no grupo da Libertadores em primeiro lugar e classificamos. Era impossível o Fluminense vencer a Libertadores e vencemos. Era impossível o Fluminense chegar na final do Mundial e chegamos. É o melhor time do mundo nos últimos cinco anos, mas vamos crer.

Na sexta-feira (22), Fluminense e Manchester City duelam pela conquista do inédito título do Mundial de Clubes, às 15h (horário de Brasília).

CONFIRA OUTROS TRECHOS DA COLETIVA DE FELIPE MELO:

EXPERIÊNCIA

- Eu penso que sou um espelho, um exemplo, assim como existem outros. Quando citei o exemplo do Endrick, o futebol te permite que jovens sigam exemplos e que jogadores mais experientes sejam exemplos. Quando você vê um atleta de 40 anos tendo que fazer uma recuperação e conseguindo tirar a bola do jeito que tirei (no jogo contra o Al Ahly), é uma espécie de gasolina pro time. Não existe time perfeito, que não vai errar. A gente procura errar o menos possível, mas a missão que temos é defender o gol do Fábio, e conseguimos passar da semifinal, mesmo errando, sem tomar gols. Fizemos 2 a 0 diante de uma equipe difícil, considerado o Real Madrid da África.

CHEGADA DE DINIZ

- Vamos fazer o que temos treinado. Na apresentação do Diniz conosco, a primeira coisa que ele falou é que iriamos trabalhar pra ser campeões do mundo.Trabalhamos para esse momento desde a chegada do Fernando. Em todos os treinos e jogos, a gente mentalizou que poderia estar aqui e estamos. Os treinamentos são intensos, fechando as linhas, saindo com bola curta ou longa.

DESFALQUES DO MANCHESTER CITY

- Não vão jogar Haaland, De Bruyne e também o Doku que é um atleta de qualidade. É um time muito bem treinado e tecnicamente tem jogadores que fazem diferença. Não podemos permitir os erros que tivemos no último jogo. São atletas que se tiver um erro, matam um jogo, por isso estão no Manchester. É uma seleção do mundo, por isso estão há cinco anos brigando no topo. Vamos trabalhar, jogar, ser feliz e aproveitar esse momento.

Lance!
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade