PUBLICIDADE

Mãe e família torcem para que Paulinho volte ao Corinthians

Dona Érica Nascimento, no entanto, acredita que o volante de 32 anos aguarda a melhor proposta, que deve vir da Europa

23 jun 2021 14h49
| atualizado em 30/6/2021 às 18h08
ver comentários
Publicidade

Paulinho está sem clube desde domingo (20), quando amigavelmente rescindiu seu contrato com o Guangzhou Evergrande, da China, clube na qual tinha contrato até o fim de 2022. Mas se dependesse apenas da vontade de dona Érica Nascimento, sua mãe, o filho ficaria pouco tempo desempregado e a sua torcida é para que ele volte ao Corinthians. 

Paulinho se despediu do Guangzhou Evergrande 
REUTERS/Thomas Peter
Paulinho se despediu do Guangzhou Evergrande REUTERS/Thomas Peter
Foto: Reuters

“Eu, particularmente, meu marido (Marcos), e toda a família somos corintianos e ficamos na torcida para que ele volte ao Corinthians”, disse ela em entrevista exclusiva ao Terra.  Vale lembrar que, atuando pelo Timão, o jogador de 32 anos conquistou cinco títulos: Libertadores e Mundial (2012), Brasileiro-2011, Paulista-2013 e Recopa Sul-Americana-2013. Ela garantiu que o filho sempre foi muito obediente, mas dessa vez a decisão a ser tomada é somente dele. “Agora não tem nada a ver essa desobediência”, dando risadas.

Dona Érica está tão descrente nessa possibilidade, que dessa vez, nem a influência e a força da Fiel torcida, que tem se manifestado favorável à volta de Paulinho através das redes sociais, possa ter um grande peso. “O futebol é a profissão dele e ele tem que ver o que é melhor pra ele e a família dele”. Paulinho tem quatro filhos, sendo dois do primeiro casamento com Bárbara Cartaxo - Beatriz e Benjamin -, e dois do segundo matrimônio com a esposa, Vivian Pereira - os gêmeos Sophia e José Pedro. 

Dona Érica falou com o filho no domingo e admite que a atual situação financeira do clube do Parque São Jorge é um grande empecilho para o seu retorno. “Ele me disse que vai analisar a melhor proposta, e eu acredito que deve ser da Europa”. Ele teria recebido sondagens de clubes de Portugal, Espanha, Galatasaray (Turquia), Emirados Árabes e Arábia Saudita.

Paulinho mantém a forma física com o elenco do Red Bull Bragantino desde março, time na qual disputou a Série B de 2009 e o Campeonato Paulista de 2010. Fez 14 gols em 45 jogos.

O jogador se despediu do time chinês através de uma nota em seu Instagram no último domingo. “Hoje chegou ao fim um dos mais importantes ciclos da minha carreira. Lá em 2015, o Guangzhou Evergrande acreditou em mim, confiou no meu trabalho e o resultado dessa parceria está retratado nos 74 gols, 172 jogos e oito títulos que conquistamos. Foram anos incríveis profissional e pessoalmente, que ficarão guardados na memória com muito carinho. A pandemia alterou profundamente a dinâmica mundial e, no meu caso, infelizmente, provoca minha despedida antecipada do clube. Vou com o peito apertado, mas o sentimento de dever cumprido. Só tenho a agradecer ao clube, aos meus colegas de trabalho e aos amigos que fiz na China. OBRIGADO GUANGZHOU EVERGRANDE, OBRIGADO CHINA. Até algum dia!!”, escreveu.

 

Fonte: Equipe portal
Publicidade
Publicidade