PUBLICIDADE

Campeonato Turco

Expulso, Felipe Melo provoca torcida rival e dá início a tumulto

22 set 2013 - 15h34
(atualizado às 21h47)
Compartilhar
Exibir comentários

O brasileiro Felipe Melo esteve no centro de mais uma polêmica neste domingo, no Campeonato Turco. O volante do Galatasaray foi expulso nos minutos finais do clássico contra o Besiktas, provocou a torcida adversária ao deixar o gramado e causou a fúria dos fãs da equipe da casa, que causaram um "quebra-quebra" no Estádio Inonu e invadiram o gramado para atacar os jogadores rivais.

Felipe Melo inicia "guerra campal" em clássico na Turquia:

A confusão começou quando o Galatasaray vencia por 2 a 1, já nos acréscimos do segundo tempo. O Besiktas se recusou a devolver a bola em uma jogada de fair play, e Felipe Melo retribuiu com uma falta violenta, sendo imediatamente expulso. Na saída do gramado, o brasileiro tirou sua camisa e a exibiu para os torcedores da casa, que passaram a atirar objetos contra o jogador.

Enfurecidos, os fãs do Besiktas começaram a vandalizar o próprio estádio. Logo centenas de torcedores invadiram o gramado, enquanto os jogadores do Galatasaray corriam para o vestiário. A partida foi interrompida, e após alguns minutos os atletas da equipe mandante também se recolheram aos vestiários.

O detalhe é que o clássico foi disputado com torcida única - apenas aficionados do Besiktas estavam no estádio. A expectativa na imprensa turca é que o clube alvinegro seja punido severamente pela confusão.

Fonte: Terra
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade