PUBLICIDADE

Zidane revela desejo em treinar a França, mas não descarta o PSG

Comandante busca conquistar títulos em sua carreira e não descarta carreira como cartola

23 jun 2022 - 09h31
(atualizado às 09h31)
Ver comentários
Publicidade

Zidane aguarda o encerramento da Copa do Mundo para assumir o comando da França. Em entrevista ao "L'Équipe", o ex-técnico do Real Madrid e tricampeão da Champions admitiu o desejo de dirigir os Bleus.

Zidane aguarda oportunidade para dirigir a França após a Copa do Mundo (Foto: GABRIEL BOUYS / AFP)
Zidane aguarda oportunidade para dirigir a França após a Copa do Mundo (Foto: GABRIEL BOUYS / AFP)
Foto: Lance!

- Quero (assumir a seleção francesa), claro. Quando? Não cabe a mim, mas quero encerrar o ciclo com a seleção. O que tiver que ser feito, será feito. Hoje, há uma equipe com seus objetivos. Mas se a oportunidade vier, estarei lá.

Após ter rejeitado a proposta para treinar o Paris Saint-Germain, Zidane não descarta assumir a maior potência da França em um outro momento.

- Não devemos nunca dizer nunca. Quando eu era jogador, eu tinha escolha. Como técnico, não há 50 clubes onde eu possa estar. Existem duas ou três possibilidades. Se eu assumir um clube, é para ganhar.

Questionado se assumiria um clube da Premier League, o francês se esquivou e explicou o motivo pelo qual teria receio em dirigir uma equipe inglesa.

- Certas condições tornam a coisa mais difícil. A língua é um exemplo. Quando alguém me diz: "Você quer ir para Manchester?". Eu entendo inglês, mas não o domino. Sei que há treinadores que vão aos clubes sem falar a língua, mas eu trabalho diferente.

Lance!
Publicidade
Publicidade