PUBLICIDADE

Arsenal

Arsenal perde do Brighton em casa e vê City abrir quatro pontos na liderança do Inglês

14 mai 2023 - 14h33
(atualizado às 14h57)
Compartilhar
Exibir comentários

Em busca de se reaproximar da liderança do Campeonato Inglês, o Arsenal recebeu o Brighton, neste domingo, no Emirates Stadium, em Londres (ING), pela 36ª rodada, e perdeu por 3 a 0. Enciso, Undav e Estupiñán foram os autores dos gols do jogo.

Assim, os Gunners permanecem com 81 pontos, na vice-liderança, e veem o título nacional ficar bem mais distante. Quatro pontos atrás do Manchester City, a equipe treinada por Mikel Arteta ainda possui um jogo a mais que o rival - tem apenas mais dois compromissos na competição. Com isso, o campeonato pode ser definido na rodada seguinte.

Por outro lado, os visitantes voltam a triunfar após derrota na partida anterior. Com o resultado, chegam aos 58 pontos e sobem da oitava para a sexta colocação, entrando na zona de classificação para a Liga Europa.

Na próxima rodada, portanto, o Arsenal visita o Nottingham Forest, às 13h30 (de Brasília) de sábado, no estádio City Ground, em Nottingham (ING). Por sua vez, o Brighton entra em campo na quinta-feira, quando enfrenta o Newcastle, a partir das 15h30, em partida atrasada da 25ª rodada, no St. James' Park, em Newcastle upon Tyne (ING).

O jogo entre Arsenal e Brighton

A partida começou movimentada, e, aos 11 minutos, o Brighton levou perigo pela primeira vez logo aos 11 minutos. Enciso recebeu lançamento longo, gingou na frente da marcação e bateu forte, obrigando Ramsdale fazer boa defesa. A resposta do Arsenal veio aos 15, em chute de Odegaard da entrada da área, mas que saiu ao lado do gol de Steele.

Aos 30, Trossard avançou com a bola e arriscou da entrada da área, mas ela subiu um pouco demais e saiu rente ao travessão. Seis minutos mais tarde, o Brighton ficou muito próximo de abrir o marcador. Mitoma recebeu na esquerda, fez jogada individual e cruzou para a pequena área. Ramsdale desviou a bola, que chegou limpa para Enciso, livre. No entanto, o atacante bateu para fora.

Ainda antes do fim do primeiro tempo, os Gunners levaram perigo aos 46, em chute forte de Saka, que saiu pelo lado do gol adversário, e aos 48, em chute de dentro da área de Odegaard, que também errou o alvo.

Visitantes constroem resultado no segundo tempo

Na volta do intervalo, a vida do Arsenal ficou mais complicada. Isso porque o Brighton precisou de cinco minutos para enfim inaugurar o placar do Emirates Stadium. Mitoma recebeu lançamento longo na esquerda e passou para Estupiñán, que fez a ultrapassagem. O equatoriano, então, tentou o cruzado, foi travado e, no rebote, mandou para a área de novo. A bola encontrou a cabeça de Enciso, que não precisou sair do chão, para testar para o fundo da rede.

Aos 17, Saka abriu na direita para Reiss Nelson, que cortou para o meio e bateu com perigo, mas a bola foi para fora. Aos 30, Welbeck fez boa jogada individual e adiantou a bola, que sobrou para Mac Allister. O argentino emendou de primeira, mas ela saiu rente à trave de Ramsdale.

Aos 41 minutos, Trossard errou na saída de bola, a bola bateu em Gross e sobrou para Undav dentro da área. O atacante, que havia acabado de entrar, deu belo toque por cima de Ramsdale para fazer o 2 a 0. Por fim, já nos acréscimos, aos 50, Estupinán aproveitou rebote de Ramsdale em chute de Undav e deu números finais ao duelo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade