7 eventos ao vivo

Barça faz 5 com recorde de Messi; Juve vence com 2 de Morata

Morta marcou os dois gols e garantiu os três pontos para a Velha Senhora. Dínamo de Kiev perdeu a invencibilidade de 10 jogos

20 out 2020
15h47
atualizado às 18h14
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A temporada 2020/21 da Liga dos Campeões começou com o pé direito para o Barcelona. Nesta terça-feira, os Culés venceram o Ferencváros por 5 a 1, em casa, pela primeira rodada do Grupo G da Liga dos Campeões. A Juventus também estreou com vitória sobre o Dínamo de Kiev. Com dois gols de Morata, a Velha Senhora triunfou fora de casa por 2 a 0.

Show do Barça e recorde de Messi

A primeira etapa começou com os visitantes surpreendendo. Com apenas nove minutos, Nguen até balançou as redes do Camp Nou, porém o bandeirinha flagrou impedimento. Na sequência, Isael soltou uma bomba na trave. No entanto, a partir de então, só deu Barça. Aos 25, Messi fez linda jogada individual e foi derrubado na área. Na cobrança de pênalti, o goleiro quase pegou, mas a bola do argentino entrou.

Foto: Albert Gea / Reuters

Com esse tento, o camisa 10 se tornou o primeiro jogador na história da Liga dos Campeões a marcar em 16 temporadas consecutivas. Além disso, ele é o maior artilheiro da Fase de Grupos da competição, com 69 gols.

Já aos 42, foi a vez do jovem Ansu Fati deixar sua marca, aproveitando uma linda assistência de cavadinha de De Jong. E a vantagem ficou ainda maior na segunda etapa. Com o relógio marcando sete minutos, Coutinho recebeu de letra de Fati e chegou batendo para marcar o seu segundo gol desde o seu retorno ao time catalão.

Aos 22, a vida do Barcelona ficou um pouco mais complicada, depois que Piqué cometeu pênalti em Zubkov e foi expulso. Na cobrança, Kharatin descontou. Entretanto, a reação dos húngaros foi interrompida por mais dois tentos dos dono da casa, sendo um de Pedri, aos 37, e outro de Dembelé, aos 44.

Juve também vence bem

Sem Cristiano Ronaldo em campo, Morata teve que mostrar serviço. E conseguiu. Contratado em definitivo pela Juventus na última janela de transferências, o atacante espanhol marcou os dois gols da vitória.

Morata marcou os dois gols (Foto: Sergei SUPINSKY / AFP)
Morata marcou os dois gols (Foto: Sergei SUPINSKY / AFP)
Foto: LANCE!

Além do português, Alex Sandro, De Ligt e McKennie não estavam aptos para jogar. Dybala começou no banco, mas entrou no decorrer do jogo. Apesar disso, quem entrou no lugar correspondeu.

Kulusevski e Chiesa fizeram uma grande partida. As duas jovens promessas, que chegaram na última janela de transferências, empolgaram e prometem dar bons frutos à Juve.

Com informações da Gazeta Esportiva e do Lance!.

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade