PUBLICIDADE

Após exclusão de torneios da Uefa, clubes russos entram com ação no Tribunal Arbitral do Esporte

Zenit, Sochi, Dínamo de Moscou e CSKA Moscou se unem para tentar reverter decisão da entidade europeia. Decisão da Uefa é retaliação por conta de guerra na Ucrânia

14 mai 2022 11h44
ver comentários
Publicidade

Quatro clubes russos entraram com uma apelação no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) para tentar reverter a decisão da Uefa de excluir equipes do país de competições europeias em virtude da guerra militar na Ucrânia. Na última sexta-feira, Zenit, Sochi, Dínamo de Moscou e CSKA Moscou se uniram visando a próxima temporada.

Zenit conquistou o título do Campeonato Russo com antecedência (Foto: Vyacheslav Evdokimov / Zenit)
Zenit conquistou o título do Campeonato Russo com antecedência (Foto: Vyacheslav Evdokimov / Zenit)
Foto: Lance!

Os quatro times citados ocupam, respectivamente, as quatro primeiras colocações da Premier League Russa e iriam para Champions League, Europa League e Conference League em condições normais. A punição da Uefa, entretanto, que se estende também às seleções russas, impede a participação nos torneios.

Em nota, os clubes pediram que o TAS julgue a decisão rapidamente, visto que o sorteio da primeira fase da Champions League acontece no dia 7 de junho. Em caso de derrota no tribunal, os clubes seguirão impedidos de jogar as competições europeias.

A Federação Russa de Futebol (RFU) afirmou em março que estuda a possibilidade de se unir à Confederação Asiática de Futebol (AFC) e deixar a Uefa. Se isso realmente ocorrer, a seleção russa disputará as Eliminatórias Asiáticas para a Copa do Mundo, bem como os clubes do país jogarão a Champions League da Ásia.

Lance!
Publicidade
Publicidade