0

Organização diz que Messi recusou premiação após partida

16 jun 2015
17h22
  • separator
  • 0
  • comentários

O episódio da nomeação do paraguaio Nelson Valdez como o melhor jogador em campo no empate por 2 a 2 com a Argentina, na Copa América, ganhou novos desdobramentos. Como o Terra noticiou no último sábado após a partida, o prêmio deveria ter sido entregue a Lionel Messi, que ganhou a votação online para definir o vencedor. Mas a organização afirmou que teve que trocar o "escolhido" porque o argentino se recusou a receber a honraria.

Messi recusou a premiação de melhor em campo no primeiro jogo da Copa América
Messi recusou a premiação de melhor em campo no primeiro jogo da Copa América
Foto: Martin Bernetti / AFP

Na saída do campo após o frustrante empate por 2 a 2, Messi ignorou a premiação patrocinada pela Mastercard e desceu rapidamente para os vestiários. Com isso, Valdez, que fez o primeiro gol do Paraguai no jogo, acabou ficando com o troféu de melhor em campo. Os organizadores também confirmaram que o craque argentino não será multado por conta do ocorrido.

Caso não tenha sido um incidente isolado, Messi deverá ter trabalho para "escapar" de novos prêmios. Como a escolha é definida por uma votação dos fãs, os jogadores mais famosos ou populares costumam vencer independentemente do que ocorreu em campo – ou seja, o camisa 10 tem grandes chances de ser eleito novamente nesta terça-feira, contra o Uruguai, a partir das 20h30 (de Brasília).

Valdez recebeu o prêmio no fim do jogo, mas quem venceu a eleição online foi Messi
Valdez recebeu o prêmio no fim do jogo, mas quem venceu a eleição online foi Messi
Foto: Copa América 2015 / Divulgação

Essa também não é a única polêmica em que a seleção argentina já se envolveu nesta Copa América. A Associação do Futebol Argentino (AFA) será multada pela Conmebol, segundo o diário argentino Olé, em US$ 100 mil (R$ 310 mil) - US$ 50 mil (R$ 155 mil) - após ter se recusado a enviar um atleta para as duas entrevistas pré-jogo até agora, e um vídeo de Messi e Di María fazendo piadas e rindo no intervalo do jogo contra o Paraguai causou mal-estar em alguns setores da imprensa local.

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade