PUBLICIDADE

Conmebol receberá 50 mil doses da CoronaVac na quarta-feira

A prioridade da Conmebol é vacinar as equipes que disputarão a Copa América, a Libertadores e a Sul-Americana de 2021

22 abr 2021
16h59 atualizado às 17h11
0comentários
16h59 atualizado às 17h11
Publicidade

A Conmebol anunciou nesta quinta-feira que a chegada do lote de 50 mil doses de vacina contra a covid-19 está prevista para a próxima quarta-feira, dia 28 de abril, no Uruguai. O imunizante foi doado à entidade pela farmacêutica chinesa Sinovac Biotech.

Em nota oficial, a Conmebol afirmou que os responsáveis pela direção jurídica e médica de cada associação nacional já se reuniram virtualmente com a entidade para finalizar os detalhes legais, organizacionais e logísticos da vacinação para o futebol sul-americano.

Presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez 
 17/12/2019     REUTERS/Jorge Adorno
Presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez 17/12/2019 REUTERS/Jorge Adorno
Foto: Reuters

A prioridade da Conmebol é vacinar as equipes que disputarão a Copa América deste ano, que será realizada na Argentina e na Colômbia, e as que participam de torneios internacionais da entidade, como a Libertadores e a Copa Sul-Americana. Depois, as doses serão distribuídas entre os times masculinos e femininos da primeira divisão de cada país.

As comissões técnicas também serão imunizadas, assim como árbitros e funcionários envolvidos na organização dos jogos. A Conmebol também fez questão de salientar que a vacina não será obrigatória, e o jogador que optar por não ser vacinado não será penalizado ou excluído das competições.

A Conmebol ainda garantiu que o lote de vacinas doadas pela Sinovac Biotech ao futebol sul-americano foi especialmente fabricado para este fim.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade