0
Logo do Brasileiro Série B
Foto: terra

Brasileiro Série B

Fora de casa, Barueri faz 4 e tira Criciúma da ponta

23 out 2012
21h26
atualizado às 22h04

Apesar de começar a rodada como lanterna, o Barueri foi a Santa Catarina e derrotou nesta terça-feira o Criciúma por 4 a 3. Com o resultado surpreendente, o time do Sul (que parou nos 65 pontos) perdeu a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro para o Goiás, que confirmou o favoritismo sobre o ASA-AL em casa e goleou: 4 a 0.

O Barueri abriu 4 a 0, tomou três no 2ª tempo e tirou o Criciúma da ponta da Série B
O Barueri abriu 4 a 0, tomou três no 2ª tempo e tirou o Criciúma da ponta da Série B
Foto: Fernando Ribeiro / Futura Press

Já o clube paulista, com os três pontos, somou 26 e ultrapassou o Ipatinga, que empatou com o São Caetano por 1 a 1. Na próxima rodada, o Barueri receberá, na sexta-feira, o América-RN. O Criciúma, por sua vez, buscará a reabilitação visitando, no sábado, o Guarani.

Os jogadores do Criciúma entraram em campo com uma faixa com os dizeres "força, Lucca". O meia, uma das revelações do campeonato, fraturou o ligamento cruzado do joelho direito no duelo contra o ABC-RN, no dia 16 de outubro.

No entanto, apesar da festa da torcida no Estádio Heriberto Hülse e da homenagem ao jovem atleta, o time catarinense não começou bem a partida. Em 12 minutos, o Barueri marcou dois gols. O primeiro foi anotado por Alex Lima, de cabeça. O segundo por Magrão, após rebote do goleiro Michel Alves.

O Criciúma reagiu. Zé Carlos, o artilheiro do torneio, teve duas chances de balançar a rede. Mas mandou por cima em ambas as ocasiões. Para piorar, o clube da região metropolitana de São Paulo voltou a comemorar. Aos 26min, Alê carregou e, de fora da área, acertou um forte chute: 3 a 0 e clima de consternação em Santa Catarina.

Na etapa complementar, o Criciúma continuou buscando o gol. Mas a bola prosseguiu insistindo em não entrar. Melhor para o Barueri, que aumentou ainda mais a vantagem aos 8min, quando Rafael Chorão completou de cabeça após defesa do goleiro anfitrião.

O placar elástico não desanimou os mandantes. Aos 23min, Marlon, após cruzamento, deixou a sua marca. Rodrigo Tiuí, aos 35min, fez mais um, esquentou o embate e animou os torcedores locais. E, aos 46min, Kleber, depois de confusão na área, transformou o tropeço em uma derrota digna do ex-líder.

Fonte: Terra
publicidade