0

Tite vai a velório para "amenizar sofrimento" de familiares

3 dez 2016
14h23
atualizado às 14h42
  • separator
  • 0
  • comentários

O técnico da Seleção Brasileira, Tite, foi mais uma das figuras notáveis do esporte nacional a comparecer ao velório dos atletas e profissionais da Chapecoense, realizado neste sábado, na Arena Condá. Sem muitas palavras na sua chegada, o comandante disse que foi ao local passar uma mensagem de apoio às pessoas que perderam alguém próximo na tragédia envolvendo o avião da equipe catarinense.

Técnico Tite (à direita) acompanha velório de vítimas de acidente aéreo
Técnico Tite (à direita) acompanha velório de vítimas de acidente aéreo
Foto: EFE

"Quero poder, na medida do possível, amenizar um pouco este sofrimento e encorajá-los. É o mínimo que posso fazer", disse Tite, que logo rumou para a parte interior do estádio, onde se montou um cerimonial com hinos e discursos de dirigentes.

Além de Tite, o presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo Del Nero, também marcou presença na ocasião. Ele será uma espécie de anfitrião para o presidente da Fifa, Gianni Infantino, que representará a entidade máxima do futebol mundial.

Alejandro Dominguez, presidente da Conmebol, completa a comitiva de dirigentes internacionais, que conta ainda com representantes de diversos grandes clubes europeus. Cada um dos clubes das Séries A e B do Brasileiro também mandou um representante ao local.

Dia de emoção: Torcedores fazem homenagem na Arena Condá
Michel Temer chega para homenagem às vítimas
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade