0

Jorge Jesus quer punição para a arbitragem do duelo contra o Athletico-PR

13 out 2019
19h48
  • separator
  • 0
  • comentários

O técnico Jorge Jesus, do Flamengo, não escondeu sua irritação com a arbitragem da partida na Arena da Baixada e nem a vitória sobre o Athletico Paranaense conseguiu acalmar o técnico da equipe da Gávea. A atuação do VAR, que anulou um pênalti marcado a favor da equipe carioca no primeiro tempo, causou grande irritação no treinador português, que defendeu punição para os juízes.

Jorge Jesus não gostou da arbitragem do jogo deste final de semana (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Jorge Jesus não gostou da arbitragem do jogo deste final de semana (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Foto: Gazeta Esportiva

Na entrevista coletiva, ele disse que o Flamengo sabia que a partida iria ser difícil pela qualidade do adversário e até pelo gramado sintético, mas não estava preparado para jogar contra duas equipes: a do Furacão e a da arbitragem.

"Quando um VAR não tem capacidade com todas as ferramentas que tem, não pode trabalhar. É como todas as profissões, são para os melhores. Não quero prejudicar o árbitro, que tomou a decisão certa, mas foi influenciado pelo VAR. Não pode passar impune", declarou.

O técnico do Flamengo disse que quem toma decisões erradas deveria ser penalizado e não deveria estar em campo para cometer asneiras. "Nem sei quem foi, mas não pode andar no VAR. Vai tirar férias em casa", completou.

O comandante rubro-negro ganhou novos problemas para a partida desta quarta-feira diante do Fortaleza. O lateral-direito Rafinha sofreu uma forte pancada na cabeça e será avaliado nesta segunda-feira, pelo departamento médico, para saber se haverá necessidade de cirurgia. Os atacantes Everton Ribeiro e Bruno Henrique foram advertidos com o terceiro cartão amarelo e não viajam para a capital cearense.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade