PUBLICIDADE
Logo do Flamengo

Flamengo

Favoritar Time

Após se igualar ao Palmeiras na liderança, Tite revela não ficar olhando a pontuação

Na noite deste domingo (26) o Flamengo venceu o América-MG por 3 a 0 em Uberlândia, em partida válida pela trigésima quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols da equipe Rubro-Negra foram marcados por Everton Cebolinha, Pedro e Éverton Ribeiro. Com o resultado, a equipe carioca chegou aos mesmos 63 pontos do líder Palmeiras, […]

26 nov 2023 - 22h07
(atualizado às 22h07)
Compartilhar
Exibir comentários
Tite abraçando Ayrton Lucas - Foto Reprodução/ CRF
Tite abraçando Ayrton Lucas - Foto Reprodução/ CRF
Foto: Esporte News Mundo

Na noite deste domingo (26) o Flamengo venceu o América-MG por 3 a 0 em Uberlândia, em partida válida pela trigésima quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols da equipe Rubro-Negra foram marcados por Everton Cebolinha, Pedro e Éverton Ribeiro.  

Com o resultado, a equipe carioca chegou aos mesmos 63 pontos do líder Palmeiras, ficando atrás apenas no saldo de gols. Em entrevista coletiva, o técnico Tite revelou que não fica olhando a tabela do campeonato e não sabe a pontuação das equipes:

"Depende do Flamengo. Eu sou mais um que participa de uma engrenagem de uma equipe de trabalho muito grande. Eu sou uma das pessoas que buscava esse objetivo. Eu não sei da pontuação. Eu não sei. Eu não quero ficar pensando nos outros porque eu desfoco do meu trabalho. Claro que eu vou torcer contra os que estão na frente, mas eu tenho que isolar e ficar focado no nosso dia a dia e no nosso trabalho"

Além disso, o técnico comentou sobre a entrada de Bruno Henrique no lugar de Luiz Araújo e da alternância de jogadores no time titular da equipe:

"A alternância de atletas manda a qualidade que o grupo tem. A qualificação. Eles competem entre eles. Isso eleva o nível técnico e cooperam porque é uma equipe. Filipe Luís e Ayrton, Wesley e Matheuzinho. Tem jogadores importantes em um plantel muito qualificado. Mais do que opção é a qualificação.

O treinador ainda comentou sobre o crescimento de produção do atacante Everton Cebolinha, que vem sendo peça crucial nessa arrancada do Flamengo em busca do título:

"Não personalizem a evolução de um atleta em cima de um técnico. Não é assim. Isso hiper dimensiona o trabalho de um técnico e isso não é a realidade. O Cebolinha está jogando porque ele é bom. Ele passou por um período de adaptação. Oscila, assim é todo mundo. Nós procuramos dar confiança e trabalhar todos os atletas, essa é a nossa função. Tanto nas relações pessoais quanto profissionais. Isso é a qualidade do atleta."

Por fim, ele comentou sobre a próxima partida do Rubro-Negro, contra o Atlético-MG na próxima quarta no Maracanã:

"O Atlético é uma das equipes que vem no grupo que briga pela Libertadores. Um grande jogo, um jogo de dois grandes treinadores. As equipes têm uma tradição de enfrentamento. A gente entra nos detalhes amanhã para entender a equipe do Atlético e nos preparar melhor."

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade