PUBLICIDADE
Logo do Corinthians

Corinthians

Favoritar Time

Igor Coronado é apresentado no Corinthians, exalta acerto e brinca sobre retorno de ídolo: "Doido pra voltar"

Meia de 31 anos foi apresentado à imprensa nesta terça-feira, 20; em coletiva, Coronado brincou sobre desejo de Romarinho em voltar ao Timão

20 fev 2024 - 16h17
Compartilhar
Exibir comentários
Resumo
O meia Igor Coronado foi apresentado no Corinthians e exaltou a vinda para o clube. Ele terá um custo de aproximadamente R$ 2 milhões mensais e usará a camisa 77.
Meia Igor Coronado é apresentado no Corinthians
Meia Igor Coronado é apresentado no Corinthians
Foto: Reprodução Youtube Corinthians TV - Legenda: Igor Coronado é apresentado no Corinthians / Jogada10

O meia Igor Coronado, 31, foi apresentado nesta terça-feira, 20, no Corinthians. Décimo reforço do Timão para a temporada de 2024, Coronado faz sua estreia no futebol brasileiro pelo Alvinegro. Em coletiva à imprensa, o meia falou sobre sua trajetória, exaltou o acerto com o Corinthians e 'cavou' um possível retorno de Romarinho. 

Aliás, o convívio com o atacante no Al-Ittihad, da Arábia Saudita, inspirou a vinda de Coronado ao Corinthians. "Romarinho está doido para voltar. Ele ama esse clube, ama a história dele. Ele me falou muito bem, sei que é apaixonado aqui. Minha parceria foi muito boa lá, seria um sonho ter aqui também", explicou.

Após rescindir com o clube saudita, Coronado fechou com o Corinthians até fevereiro de 2026. O meia terá um custo de aproximadamente R$ 2 milhões por mês ao clube, em valores que incluem salários, luvas e comissões, afirmou o diretor financeiro Rozallah Santoro.

Vestindo a camisa 77, Coronado ainda não tem data para estrear pelo Corinthians. O meia afirma que tem pressionado seu preparadores físicos para acelerar o processo. "Estou trabalhando bastante em dois períodos. Primeiro dia hoje que fui inserido em um grupo. Estou pressionando um pouquinho os preparadores físicos para estar em campo. Essa semana continuo à parte para segunda-feira ser inserido 100% com o grupo. Eles têm os dados que estudam, no dia a dia vamos vendo se dá para mudar". 

Confira os destaques da apresentação de Igor Coronado no Corinthians

Chegada no futebol brasileiro

"Não é algo que me preocupa, para mim é um sonho realizado voltar a morar no Brasil. Estava fora há muito tempo, minha família está muito feliz de estar aqui. Creio que a adaptação ao futebol brasileiro não vai precisar de muito tempo, tenho sido muito bem recebido. O Romarinho tinha falado o que era o Corinthians, mas sentir isso e ver com os próprios olhos é satisfatório. Estou feliz. O Brasileirão vai ser o sétimo campeonato diferente que jogo, então será mais uma adaptação. Por onde passei, consegui deixar minha marca. Pretendo que aqui seja a maior delas".

Carreira

"Minha carreira está sendo inversa como brasileiro. Iniciei fora do Brasil, muito novo, meus pais saíram para trabalhar na Inglaterra e segui com ele aos 12 anos. Todo jogador busca o melhor, porém o início da minha carreira não foi nada fácil. Graças ao suporte que tive e ao meu trabalho segui sonhando e acreditando. Tive altos e baixos, mas nos últimos anos cresci cada vez mais e chegou aqui para justificar o motivo que fui contratado. Pé no chão, muito trabalho, não sou de falar muito, mas de entregar tudo. Vou tentar dar meu máximo para justificar o porquê o Corinthians me contratou".

Motivação em vinda ao Corinthians

"Na Arábia Saudita poderia ficar tranquilamente. Pode jogar oito estrangeiros, estávamos com 10. Quando abriu o mercado, meu empresário falou sobre a possibilidade de voltar. Tinha passado cinco anos e meio no mundo árabe. Precisava de algo novo e nada melhor do que o Corinthians. Foi um momento que trabalhamos no extra-campo, meus empresários entraram para fazer tudo isso acontecer. Foi algo que encaixou e deu certo no momento. Estou muito feliz de estar aqui".

Número da camisa

"Sei que (77) é um ano histórico no clube e é um número que usei no passado, iniciei bem no Al-Ittihad com esse número".

Declaração sobre sondagem do Flamengo

"Nem sabia para falar a verdade, chegou agora a mim. Estou representando o Corinthians e tenho que importar com o que o clube pensa. Respeito a opinião dele. Sobre o Flamengo, recebi uma ligação do Matheus, auxiliar do Tite, para saber minha situação na Arábia Saudita".

Adaptação

"Tenho sido muito bem recebido pelos meus companheiros, consigo ver ótimas coisas, estou começando a me sentir em casa. Independente se é brasileiro ou estrangeiro, isso é muito importante. Sei que no Brasil meu futebol não foi mostrado, o último ano do Saudita por alguns canais terem comprado, algumas pessoas me conheceram, e isso me ajudou a estar no Corinthians. Vou prometer dar meu máximo, 100%, quero ajudar o clube onde merece de verdade. Tenho grandes objetivos, sonhos, e vou atrás deles, mas com pé no chão e muito trabalho".

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade