PUBLICIDADE

O substituto de Tiquinho Soares tem que ser Janderson, pois Diego Costa precisa provar que ainda é o mesmo

Depois de falha grotesca de Lucas Perri, Glorioso vira para cima do Internacional; Eduardo e Junior Santos 'reprovados' na posição 9

13 ago 2023 - 00h55
(atualizado às 01h27)
Compartilhar
Exibir comentários
Janderson é o substituto ideal para Tiquinho Soares
Janderson é o substituto ideal para Tiquinho Soares
Foto: Vitor Silva/Botafogo / Jogada10

Esse ano é de maravilhas para o Fogão, pois tem o melhor primeiro turno da HISTÓRIA do Brasileirão dos pontos corridos com 20 times, com 47 pontos e 15 vitórias. O Corinthians de 2017 conseguiu 47 pontos e 14 vitórias.

Líder absoluto da competição nacional, com 16 pontos de vantagem para o segundo, o terceiro, o quarto e o quinto colocados, dentro de casa, no Brasileiro de 2023, o Glorioso tem 100% de aproveitamento. São dez vitórias (a da noite de sábado foi um quase espetacular 3 a 1) no Niltão, com 23 gols marcados e três sofridos. No entanto, a pergunta que não quer calar é ‘SERÁ QUE O BOTAFOGO ACHOU ALTERNATIVA PARA A AUSÊNCIA DE TIQUINHO’?

Eduardo jogou adiantado como falso 9. O Glorioso perdeu na criação, pois o camisa 33 é o melhor meio-campo do Brasileiro, mas, com o mesmo avançado demais, as melhores características do ponta-de-lança desaparecem. Quando Eduardo voltou a ser terceiro homem, as assistências do jogador reapareceram.

Com Janderson na posição de número 9, a de Tiquinho Soares, o time da Estrela Solitária conseguiu ter desempenho muito melhor.

Pelas oitavas-de-final da Sul-Americana, contra o Guaraní do Paraguai, no meio da semana passada, o técnico Bruno Lage tentou adaptar Júnior Santos. O ponta é forte fisicamente e tem alguns pontos favoráveis para ser o antigamente chamado 'centroavante', assim como Carlos Alberto, mas, depois da vitória sobre o Inter, no Estádio Olímpico Nilton Santos, Janderson mostrou bom futebol e saiu na frente para ser o escolhido como referência do setor ofensivo. Apesar do desempenho de destaque contra o Coritiba, pela 17ª rodada do Brasileirão, Gustavo Sauer também não merece ser o ‘reserva de Francisco Soares’.

O Botafogo contará com Diego Costa, que possui carreira impressionante, mas últimas temporadas fracas.

Abraços boleiros. 

Fonte: PV Ferreira PV Ferreira é editor e jornalista esportivo com experiência em coberturas do futebol brasileiro, sul-americano e europeu, além das modalidades olímpicas e paralímpicas. As visões do colunista não representam a visão do Terra.
Compartilhar
Publicidade
Publicidade