PUBLICIDADE

Basquete

Saiba o que o Brasil precisa para avançar na Copa do Mundo de Basquete após derrota para Espanha

Seleção brasileira foi derrotada por 96 a 78 nesta segunda-feira e entra em quadra pressionada na última rodada da primeira fase

28 ago 2023 - 15h32
Compartilhar
Exibir comentários

Depois de uma estreia tranquila, a seleção brasileira masculina de basquete enfrentou seu maior desafio no Grupo G da Copa do Mundo, nesta segunda-feira, 28. E, apesar dos esforços em quadra, a equipe nacional foi derrotada pela favorita Espanha por 96 a 78, em Jacarta, na Indonésia. Os brasileiros voltam à quadra na quarta-feira, às 6h45 (horário de Brasília), para enfrentar a Costa do Marfim e precisam da vitória para avançar de fase na competição.

Brasil perde para a Espanha e joga sua vida contra a Costa do Marfim no Mundial de basquete
Brasil perde para a Espanha e joga sua vida contra a Costa do Marfim no Mundial de basquete
Foto: Divulgação FIBA / Estadão

Além de buscar a vaga na segunda-fase da Copa do Mundo de basquete, uma vitória contra a seleção africana mantém viva a chance de classificação para os Jogos Olímpicos de Paris. Vale lembrar que só se classificam para a Olimpíada de 2024 as duas seleções das Américas ao fim do torneio. A seleção brasileira estará eliminada da competição em caso de derrota para a Costa do Martim.

O time espanhol é um dos principais da Europa, com dois títulos mundiais, incluindo o último, disputado em 2019, na China. Os europeus somam agora duas vitórias, lideram a chave e já estão classificados para a próxima fase. Já o Brasil, com uma vitória e uma derrota, tentará confirmar a vaga em seu último jogo na chave.

Para o segundo jogo do Brasil nesta Copa do Mundo, o técnico Gustavo Conti não pôde contar com Raulzinho, que sofreu uma ruptura do tendão patelar do joelho direito durante o terceiro quarto da estreia e não defenderá mais a equipe na competição. Georginho foi o seu substituto, formando o time com Yago, Léo Meindl, Bruno Caboclo e Tim Soares.

Com esta mudança, o Brasil fez seu melhor quarto da partida logo no início do confronto. Foram os momentos de maior equilíbrio do duelo. Mesmo saindo atrás no placar, o Brasil buscou o empate em 14/14, virou o placar e terminou o quarto inicial com ligeira vantagem no marcador: 22/21.

Mas a situação desandou no segundo período. Os espanhóis cresceram em quadra e abriram 10 pontos de vantagem. Alberto Diaz e Rudy Fernandez foram os destaques da equipe europeia, que assumiu a liderança para não perder mais até o fim do jogo.

No terceiro quarto, a Espanha sustentou a vantagem, apesar da reação brasileira. A seleção chegou a reduzir a desvantagem no placar para apenas cinco pontos. O time nacional parou nos erros nas insistentes tentativas de três pontos. E logo a Espanha exibia 79/62 no marcador.

No quarto final, os favoritos souberam administrar a boa vantagem estabelecida em quadra e ainda ampliaram a frente, sem sofrer sustos.

Brasil perde para a Espanha e joga sua vida contra a Costa do Marfim no Mundial de basquete
Brasil perde para a Espanha e joga sua vida contra a Costa do Marfim no Mundial de basquete
Foto: Divulgação FIBA / Estadão
Estadão
Compartilhar
Publicidade
Publicidade