PUBLICIDADE

Em ótima fase no NBB, líder Flamengo bate Caxias do Sul

Paulistano e Corinthians também vencem na rodada

5 abr 2021 23h23
ver comentários
Publicidade

A rodada do NBB nesta segunda-feira (5) contou com três grandes jogos realizados no Ginásio da ASCEB, em Brasília. Inicialmente, Paulistano derrotou Brasília em duelo equilibrado. Seguindo o dia, Corinthians e Flamengo venceram Unifacisa e Caxias do Sul, respectivamente.

Marquinhos - Flamengo x Caxias do Sul
Marquinhos - Flamengo x Caxias do Sul
Foto: Gabriel Costa/Cerrado Basquete / Jumper Brasil

(19-8) Paulistano 70 x 66 Brasília (5-24)

Em busca de uma sequência positiva nos momentos finais do NBB 2020/21, o Brasília, agora com força total, encarou o consistente time do Paulistano na abertura da rodada. Dominantes no primeiro tempo, os donos da casa foram ao intervalo vencendo por 12 pontos de diferença após vinte minutos de um bom basquete. Contudo, o segundo tempo foi todo da equipe paulista, que teve uma sólida atuação nos dois lados da quadra, sobretudo defensivamente. Diante de um frágil ataque candango, os comandados de Régis Marrelli viraram o placar para 70 a 66 e conquistaram um triunfo importante na reta final da fase inicial da competição nacional.

Paulistano, por sua vez, provou ser um time cascudo, mesmo sem ter um elenco com muitas estrelas. Em baixa no primeiro tempo, o time paulista mostrou poder de reação e buscou, com perseverança, o resultado positivo no decorrer do embate. O subestimado ala-pivô Du Sommer cresceu e liderou o time de Régis Marrelli. Cestinha da partida, o ex-jogador do Botafogo contribuiu com 23 pontos e cinco rebotes, além de três roubos de bola. Individualmente, mais nenhum atleta do Paulistano brilhou, mas foram essenciais defensivamente, sobretudo na contenção do ataque de Brasília na segunda metade do confronto. Coletivamente, o aproveitamento do clube não foi dos melhores. No perímetro, 29% de aproveitamento. Nas bolas duplas, 41%. Um dos pontos positivos foi, sem dúvidas, a boa distribuição de jogadas e o equilíbrio ofensivo do CAP, que resultaram em 20 assistências. Já na defesa foram 14 roubos de bola, um ótimo número.

Brasília, lanterna do NBB, fez um grande jogo na tarde desta segunda-feira. Entretanto, apesar dos bons momentos ao longo dos quarenta minutos, a equipe de Ricardo Oliveira não conseguiu ser regular e sofreu o revés. O aproveitamento na linha de três pontos (29.6%), assim como do Paulistano, foi baixo, em especial no segundo tempo. Nas bolas de dois pontos, o time da capital nacional converteu 41.2% das tentativas. Os candangos destacaram-se nos rebotes (50), porém pecaram por excesso nos erros (20). Individualmente, o pivô Caio Torres (17 pontos e 11 rebotes) liderou o ataque brasiliense. Junto a ele, Samuel Yeager (13 pontos) e Gemerson (10 pontos) também contribuíram ofensivamente.

(16-13) Corinthians 93 x 79 Unifacisa (13-15)

No segundo duelo do dia, Corinthians e Unifacisa protagonizaram um embate de grande nível, mas nem tão parelho quanto o primeiro. Com tranquilidade, a equipe alvinegra teve grandes momentos ofensivos e venceu o confronto direto entre equipes que figuram no "meio de tabela". O time de Demétrius Ferraciú dominou grande parte dos quarenta minutos, com exceção para o segundo período. No restante, principalmente no quarto final, os corinthianos foram efetivos nos dois lados da quadra e garantiram o triunfo por 93 a 79. Apesar do grande brilho do ataque do Timão, a defesa também destacou-se. Já a Unifacisa novamente colecionou dificuldades coletivas e individuais e confirmou a fase ruim no NBB com a derrota.

O jogo coletivo do Corinthians, claro, fica em evidência, afinal a equipe produziu 93 pontos e sofreu somente 79. No entanto, o principal destaque da partida fica por conta do ala-armador Zoom Fuller, que faz ótima temporada. Neste duelo, a estrela alvinegra atingiu a marca excepcional de 30 pontos, além de contribuir com seis assistências. Ao todo, foram 12 arremessos convertidos de 21 tentados, um grande aproveitamento. Além dele, Malcolm Miller (15 pontos) também brilhou, sobretudo defensivamente. Coletivamente, os comandados de Demétrius Ferraciú aproveitaram incríveis 48% das bolas de dois pontos e 53% das bolas de três. O time do Parque São Jorge também foi bem nos rebotes e assistências.

A Unifacisa teve raros bons momentos coletivos ao longo do embate. O aproveitamento nos arremessos não foi dos melhores e a equipe com certeza não estava em seus melhores dias. Individualmente, apenas Neehmias Morillo fez um bom jogo e finalizou o revés com 15 pontos. Dito isso, o restante do plantel, em sua maioria, não foi efetivo e desperdiçou grande parte das oportunidades. O time de César Guidetti aproveitou somente 27% das bolas triplas e 59% das bolas duplas. A falta de agressividade aliada a baixa intensidade foram fatores cruciais para o desempenho abaixo da média dos campinenses.

(9-20) Caxias do Sul 58 x 77 Flamengo (27-2)

Fechando a rodada, Caxias do Sul e Flamengo protagonizaram um duelo repleto de surpresas. O fraco primeiro tempo entre as duas equipes deu margem para os caxienses conquistarem um equilíbrio diante do líder do NBB. Retornando do intervalo, o que era parelho tornou-se positivo para os gaúchos, que fizeram um ótimo terceiro período e assumiram a ponta do placar. Todavia, o desempenho da equipe de Rodrigo Barbosa no último quarto foi extremamente pífio e sem dúvidas um dos piores de toda a atual edição da liga. Mesmo sem brilhar, o rubro-negro carioca venceu os dez minutos finais por 25 a 5 e garantiram uma vitória tranquila pelo placar de 77 a 58, ofuscando de vez os 30 minutos parelhos do embate.

Bem como em grande parte da temporada, o coletivo foi a principal arma do Flamengo na vitória sobre o Caxias do Sul. Hoje titular, o armador Yago teve ótima atuação com 17 pontos e oito assistências. Marquinhos (15 pontos), Luke Martinez (14 pontos) e Olivinha (11 pontos) também contribuíram ofensivamente. Perceptivelmente, os comandados de Gustavo de Conti não apresentaram um desempenho brilhante, mas aproveitaram 38% das bolas de três pontos e 46% das bolas de dois pontos, além de dominar por completo a batalha dos rebotes (48×35). Contudo, a intensidade rubro-negra não foi um destaque positivo nesta noite.

Já o Caxias de Rodrigo Barbosa mostrou ser resiliente, mas errou demasiadamente durante o embate, sobretudo, óbvio, no quarto período. Grande parte dos jogadores da equipe gaúcha finalizaram o revés com um baixo aproveitamento nos arremessos, reflexo de um time que aproveitou somente 28% dos arremessos triplos tentados e 34% dos arremessos duplos. A péssima escolha de arremessos, assim como as oportunidades perdidas, resultaram no resultado negativo diante da equipe mais forte do campeonato. Destaque caxiense nesta segunda-feira (05), Eddy (13 pontos e 10 rebotes) passou longe de ser efetivo ao longo dos quarenta minutos. Antônio, por exemplo, ficou em quadra por 35 minutos e converteu apenas 5 dos 24 pontos tentados.

Classificação

1- Flamengo: 27 vitórias e duas derrotas

2- Minas: 25 vitórias e quatro derrotas

3- São Paulo: 22 vitórias e sete derrotas

4- Paulistano: 19 vitórias e oito derrotas

5- Bauru: 17 vitórias e nove derrotas

6- Corinthians: 16 vitórias e 13 derrotas

7- Franca: 15 vitórias e 14 derrotas

8- Fortaleza Basquete Cearense: 13 vitórias e 14 derrotas

9- Unifacisa: 13 vitórias e 15 derrotas

10- Mogi: 13 vitórias e 15 derrotas

11- Pato Basquete: 11 vitórias e 17 derrotas

12- Caxias do Sul: nove vitórias e 20 derrotas

13- Cerrado: sete vitórias e 19 derrotas

14- Pinheiros: seis vitórias e 21 derrotas

15- Campo Mourão: cinco vitórias e 21 derrotas

16- Brasília: cinco vitórias e 24 derrotas

Jogos da semana

06/04: Campo Mourão x São Paulo (14h - DAZN), Fortaleza Basquete Cearense x Franca (17h - DAZN), Minas x Bauru (20h - ESPN)

07/04: Caxias do Sul x Pato (14h), Pinheiros x Paulistano (17h - DAZN), Flamengo x Cerrado (20h - DAZN)

08/04: Mogi x Brasília (14h - Metrópoles), Campo Mourão x Corinthians (17h), Unifacisa x Bauru (20h - YouTube da Unifacisa)

09/04: Cerrado x Pinheiros (19h)

10/04: Unifacisa x Pato (12h - YouTube da Unifacisa), Bauru x Mogi (16h - TV Cultura / Facebook do NBB), Fortaleza Basquete Cearense x Campo Mourão (19h)

11/04: Cerrado x Paulistano (19h)

Jumper Brasil
Publicidade
Publicidade