PUBLICIDADE

'Usaram avião presidencial para levar Senna ao Brasil', relembra autor italiano

Leonardo Guzzo, autor do livro 'Velos Como o Vento', revelou curiosidades sobre a vida e morte do piloto Ayrton Senna

2 mai 2024 - 17h47
(atualizado às 19h00)
Compartilhar
Exibir comentários
O piloto brasileiro Ayrton Senna (1960-1994)
O piloto brasileiro Ayrton Senna (1960-1994)
Foto: Getty images

O escritor italiano Leonardo Guzzo, autor do livro Velos Como o Vento, revelou detalhes sobre a vida e sobre o acidente fatal que matou o piloto brasileiro Ayrton Senna, em 1º de maio de 1994, após uma grave batida durante a sétima volta do GP de San Marino, em Imola, na Itália. 

"Na Itália, existia uma grande torcida para a Ferrari, mas também uma torcida muito grande para o Senna [que era da Williams]. Após o anúncio da morte de Senna, milhares de pessoas foram até o Hospital Maggiore, em Bolonha", iniciou Guzzo em entrevista exibida no programa Terra Agora, apresentado por Cazé Pecini.

Para ter uma ideia do impacto da morte de Senna na Itália, o autor cita como o corpo do piloto foi transportado para o Brasil. "Usaram o avião presidencial para transportar o corpo de Senna para o Brasil, essa foi uma honraria que jamais foi concedida a nenhum outro esportista na Itália", explicou.  

Terra Agora vai ao ar toda quinta-feira, às 17h, ao vivo na home do TerraYoutube e nas redes sociais do Terra.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade