PUBLICIDADE

McLaren descarta colocar O'Ward em treinos livres, mas garante teste de novatos na F1

Pato O'Ward fez uma grande temporada na Indy e brigou pelo título até a última etapa. Com o bom desempenho, ganhou a chance de testar com a McLaren na Fórmula 1, mas a equipe quer que ele se concentre apenas em uma categoria

16 out 2021 13h08
| atualizado às 14h11
ver comentários
Publicidade
Pato O’Ward chegou a liderar o campeonato em alguns momentos
Pato O’Ward chegou a liderar o campeonato em alguns momentos
Foto: Indycar / Grande Prêmio

A temporada da Indy terminou, e Pato O'Ward lutou pelo título até o fim, mas acabou com o terceiro lugar, atrás de Álex Palou e Josef Newgarden. No fim deste ano, o mexicano vai ganhar como prêmio uma oportunidade de andar com a McLaren na Fórmula 1, durante os testes de jovens pilotos em Abu Dhabi. Apesar da chance dada por Zak Brown, o chefão da equipe inglesa, e dos muitos elogios, ainda há uma certa cautela com relação ao futuro do prodígio.

"Foi uma grande temporada, ele [O'Ward] é obviamente um dos pilotos mais rápidos da Indy", disse o CEO da McLaren ao site Motorsport.

Questionado sobre a possibilidade de dar novas chances para o piloto de 22 anos em treinos livres ainda na temporada 2021 da F1, no lugar de Daniel Ricciardo ou Lando Norris, o dirigente rejeitou a ideia. A briga pelo terceiro lugar no Mundial de Construtores com a Ferrari é o motivo da decisão.

O'Ward terminou com o terceiro lugar da Indy após boa temporada (Foto: Indycar)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

"Não vamos fazer isso. Vamos ver o que acontece em Abu Dhabi. Ele está focado na Indy e queremos que continue bem concentrado. Obviamente, os pilotos possuem a ambição de andar na Fórmula 1, mas acho que precisamos ver como vão ser as coisas no teste", pontuou Brown.

"Como já foi dito, o melhor jeito de chegar na F1 é fazer o que o [Jacques] Villeneuve] ou o [Juan Pablo] Montoya fizeram na Indy. Então, vamos ver o que acontece", completou ao citar dois pilotos que foram campeões nos Estados Unidos antes da mudança na carreira.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade