2 eventos ao vivo

Leclerc lidera segundo treino livre marcado por acidentes na Áustria

28 jun 2019
12h04
  • separator
  • 0
  • comentários

Na manhã desta sexta-feira, depois de Lewis Hamilton liderar o primeiro treino livre com ligeira vantagem sobre Vettel, foi a vez de Charles Leclerc ser o mais rápido na segunda sessão do Grande Prêmio da Áustria, com tempo de 1min05s086.

A atividade ficou marcada sobretudo por uma batida de Max Verstappen, da Red Bull, e Valtteri Bottas, da Mercedes. No final das contas, o finlandês ainda garantiu a segunda colocação, seguido por Pierre Gasly e Lewis Hamilton.

Os pilotos voltam a entrar em ação neste sábado, às 7h (horário de Brasília), para a realização do terceiro e último treino livre. A largada para o GP da Áustria está marcada para às 10h10 do próximo domingo.

Localizado em uma área de grande altitude e sem apresentar muita aderência, o circuito da Áustria foi, mais uma vez, palco de algumas escapadas. Nesse segundo treino livre, Lewis Hamilton, Pierre Gasly, Lando Norris, Lance Stroll e Carlos Sainz, por exemplo, deram algumas fugidas.

Diante dessas condições, foi um dono da casa que ironicamente se envolveu em um incidente. Na última curva da pista, Max Verstappen perdeu o carro de forma repentina e danificou a parte traseira de sua Red Bull. A batida, contudo, não foi muito violenta.

Quem não teve um choque tão tranquilo, por sua vez, foi Valtteri Bottas. Quando liderava a atividade, o finlandês passou na curva seis, passou por cima da caixa de brita e bateu forte na proteção de pneus. Com um impacto de 25G, portanto, o piloto da Mercedes foi levado ao centro médico, mas não preocupa.

Outro que ficou perto de bater foi Sebastian Vettel. Quando fazia sua melhor volta, o alemão da Ferrari rodou na mesma curva que Verstappen, mas a caixa de brita acabou por segurar o carro, evitando algo mais sério.

Foto: Reprodução

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade