PUBLICIDADE

Haas exalta "dupla muito experiente" e mira "pontuar com consistência" na F1 2023

Fundador da equipe, Gene Haas destacou a chegada de Nico Hülkenberg e da MoneyGram, patrocinadora principal da equipe, e afirmou que a meta do time americano é pontuar frequentemente na F1 2023

31 jan 2023 - 14h31
Compartilhar
Exibir comentários
Visão frontal do VF-23, novo carro da Haas para a temporada 2023 da F1
Visão frontal do VF-23, novo carro da Haas para a temporada 2023 da F1
Foto: Haas / Grande Prêmio

Gene Haas foi mais um que ficou empolgado com o lançamento da pintura da Haas para 2023. Nesta terça-feira (31), o fundador do time falou na animação com a pintura nova - a primeira na parceria com a patrocinadora MoneyGram - e da confiança de que o time vai encontrar uma nova rota na F1, com uma dupla de pilotos mais experiente.

Fato é que a Haas mudou completamente de filosofia três vezes em um período de três anos. De 2020 para 2021, abriu mão dos veteranos Kevin Magnussen e Romain Grosjean pelos novatos Mick Schumacher e Nikita Mazepin. Após romper com o russo pela Guerra da Ucrânia, chamou de volta Magnussen e, agora, em 2023, troca também Mick por Nico Hülkenberg, outro piloto bem experiente.

Relacionadas

Alonso destaca energia e motivação da Aston Martin: "Atmosfera muito especial"

Gene acredita que a escolha é a melhor possível e que a dupla, que teve conflitos no passado quando eram rivais por Haas e Renault, traga resultados mais consistentes que os recentes da esquadra, ainda que 2022 tenha sido de alta inquestionável em relação a 2020 e 2021.

A Haas vai de Nico Hülkenberg e Kevin Magnussen para 2023
A Haas vai de Nico Hülkenberg e Kevin Magnussen para 2023
Foto: Haas / Grande Prêmio

"Nós estamos entrando em uma nova temporada impulsionados por performances coletivas fortes no ano passado, voltamos a pontuar merecidamente. A meta para 2023 é, naturalmente, pontuar com mais consistência e, com nossos dois pilotos tão experientes, acho que seremos de fazer isso no domingo", disse.

O americano dsestacou a chegada da fintech MoneyGram, aliviando as contas tão apertadas da equipe nos últimos anos, especialmente após a saída da Uralkali, de Mazepin.

"Fiquei muito feliz por receber a MoneyGram como nossa patrocinadora principal para 2023 e para o futuro e, consequentemente, estava ansioso para ver como ficaria nossa primeira pintura de carro juntos", completou.

A Haas evoluiu em 2022 e conseguiu ao menos a oitava colocação no Mundial de Construtores, anotando 37 pontos. A melhor temporada da história da equipe foi a de 2018, quando fechou na quinta posição, justamente com Grosjean e Magnussen.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

Grande Prêmio
Compartilhar
Publicidade
Publicidade