0

Feliz por não sofrer gols, Rodrigo Santana destaca merecimento atleticano por vitória

16 mai 2019
08h15
atualizado às 08h15
  • separator
  • comentários

No segundo tempo do duelo entre Atlético e Santos, partida válida pelas oitavas de final da Copa do Brasil, o Galo atacou, mostrou variações táticas, marcação por pressão e criou jogadas. O Peixe, por sua vez, não conseguiu atacar e pouco trabalho deu ao goleiro Victor. Diante disso, o técnico Rodrigo Santana ressaltou, após a partida, que seu clube mereceu o triunfo.

"Se fosse para ter um vencedor, acho que seria o Atlético, principalmente pelo segundo tempo, que o Atlético mereceu a vitória. Não é porque eu sou o treinador, mas acho que a postura de fazer um time desse (Santos) sair dando muitos chutões, é porque a gente estava muito bem encaixado e muito determinado. Acredito que se fosse ter um vencedor, seríamos nós", salientou.

Rodrigo Santana segue como técnico interino do Atlético. Desde a saída de Levir Culpi, Santana somou o nono jogo comandando a equipe alvinegra e pela primeira vez deixa o gramado sem sua defesa ser vazada, situação que anima o jovem treinador alvinegro.

"O que eu mais fiquei feliz foi por não ter tomado gol. A gente vinha de uma sequência grande tomando poucos gols (em cada jogo), mas isso me incomodava muito. Acredito que hoje, além de não tomar gol, não tomamos muitos sustos contra um adversário que finaliza muito, que faz muitos gols, vem de uma goleada… A gente sai feliz pelo rendimento e, principalmente, pelo segundo tempo", finalizou.

O Galo agora volta aos treinamentos para o duelo contra o Flamengo, no sábado, no Independência, pelo Campeonato Brasileiro.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade