0

Atlético-MG deve vender Chará pela metade do que pagou em 2018

28 dez 2019
17h42
atualizado às 17h42
  • separator
  • 0
  • comentários

O Atlético-MG deve aceitar a proposta do Portland Timbers por Yimmi Chará e efetuar a transferência do jogador para a equipe dos Estados Unidos em janeiro.

A Gazeta Esportiva apurou que o valor da negociação será de 3 milhões de dólares, pouco mais de R$ 12 milhões na cotação atual.

Yimmi Chará tem 28 anos e é meia colombiano (Foto: Bruno Cantini / CAM)
Yimmi Chará tem 28 anos e é meia colombiano (Foto: Bruno Cantini / CAM)
Foto: Gazeta Esportiva

A quantia é exatamente a metade que o Galo comprometeu à época da aquisição do jogador colombiano, no meio da temporada de 2018. Para adquirir 70% e ficar com o atleta, o time mineiro fez um acordo de 6 milhões de dólares, aproximadamente R$ 24,5 milhões. Chará é a contratação mais cara da história do Alvinegro de BH.

A aceitação da proposta tem relação com a dificuldade financeira do clube. O Júnior Barranquilla já acionou a Fifa devido ao não cumprimento dos pagamentos prometidos em contrato pelo Atlético.

Assim que os papéis forem assinados, Yimmi Chará, 28 anos, jogará ao lado de seu irmão, Diego Chará, 33 anos, na Major League Soccer (MLS), principal competição norte-americana de futebol.

Pelo Galo, Chará fez 68 jogos e 10 gols. Em 2019, foram 46 partidas e nove gols.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade