PUBLICIDADE
Logo do

América-RN

Meu time

Avaí empata em casa e desperdiça chance de ser líder

6 set 2014 18h12
| atualizado às 18h41
ver comentários
Publicidade

Sobrou vontade, mas faltou qualidade ao Avaí na tarde deste sábado. Jogando ao lado da torcida, o time catarinense não conseguiu tirar o zero do placar diante do América-RN e somou apenas um ponto na corrida pela liderança. O jogo aberto ofereceu oportunidades às duas equipes, que não conseguiram aproveitar por incompetência técnica.

Apesar do 0 a 0, aconteceram diversas chances de gol durante os noventa minutos. Abusando da confiança, e supondo que poderia resolver o jogo a qualquer momento, o Avaí desperdiçou diversas chances e, quando se lançou ao ataque para decidir a partida, não soube se organizar para confirmar em gol as oportunidades que surgiram.

<p>Time catarinense n&atilde;o saiu do zero dentro da Ressacada</p>
Time catarinense não saiu do zero dentro da Ressacada
Foto: Petra Mafalda/Mafalda Press / Gazeta Press

O elenco da equipe potiguar não foi a pleno vapor para a partida, pois disputou a Copa do Brasil no meio de semana, inclusive, garantindo vaga de forma inédita as quartas de final da competição. Entretanto, o time alvirrubro não se comprometeu e conseguiu garantir um ponto importante na disputa contra o rebaixamento, permanecendo na 15ª posição na tabela.

Já o Avaí desperdiçou a chance de voltar à ponta da tabela e estacionou na vice-liderança, com 35 pontos. Apesar de não perder há seis rodadas, o time catarinense está um tento atrás do novo primeiro colocado da segunda divisão nacional, o Joinville.

FICHA TÉCNICA 
AVAÍ-SC 0 X 0 AMÉRICA-RN

Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 06 de setembro de 2014, sábado
Hora: 16h10 (de Brasília)
Árbitro: Charles Herbert Cavalcante Ferreira (AL)
Assistentes: Pedro Santos de Araújo e Rondinelle dos Santos Tavares (ambos do AL)
Cartões amarelos: (Avaí) Eduardo Costa, Anderson Lopes e Eduardo Neto; (América-RN) Andrey e Jean Cléber

AVAÍ: Vagner, Bocão, Pablo, Antônio Carlos e Marrone; Eduardo Costa, Eduardo Neto, Diego Felipe (Willen) e Marquinhos; Anderson Lopes e Paulo Sérgio (Roberto)
Técnico: Geninho

AMÉRICA-RN: Andrey, Marcelinho, Cléber, Lázaro e Wanderson; Fabinho, Jean Cléber, Andrezinho (Arthur Maia) e Morais (Rodrigo Pimpão); Thiago Cristian e Max (Isac)
Técnico: Oliveira Canindé

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade