PUBLICIDADE

Taco Bell planeja investir R$ 36 milhões na economia brasileira para expansão da rede

Movimento da companhia deve gerar mais de 200 empregos diretos com a abertura de 20 novas unidades previstas para 2025

15 abr 2024 - 05h00
Compartilhar
Exibir comentários
A Taco Bell serve tacos e burritos customizados ao gosto do consumidor
A Taco Bell serve tacos e burritos customizados ao gosto do consumidor
Foto: Reprodução/Taco Bell

A Taco Bell -- rede californiana com cardápio inspirado na culinária mexicana – quer investir R$ 36 milhões na economia brasileira em meio a seu plano de expansão no País. Para 2025, estão previstas cerca de 20 novas unidades, com a geração de mais de 200 empregos diretos. Com esse novo movimento, o Brasil se tornará um dos principais mercados para a marca, além dos Estados Unidos. 

Segundo a empresa, a meta é que até 2030 a companhia alcance a marca de 200 lojas no País – nos formatos de shoppings centers e de rua, com drive-thru. No momento, a rede possui mais de 30 unidades no Sudeste, nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro.

Cada loja gera um investimento médio de R$ 1,8 milhão. Cada franquia gera um faturamento de R$ 250 mil a R$ 450 mil por mês, com retorno do investimento em três anos e meio.

O plano de expansão prevê unidades nos principais aeroportos do Brasil. Além disso, novas lojas nos estados de Espírito Santo, Goiás, Paraná e no Distrito Federal, além de Bauru, no interior paulista, com uma unidade de rua. 

“No Brasil, temos um trabalho intenso de popularização da marca. A expansão nacional, por meio de investidores nos grandes centros, permitirá que a marca se torne ainda mais conhecida e desejada por novos públicos. Ainda neste semestre abriremos lojas em novos estados”, destaca Jeferson Mariotto, diretor de operações da companhia no país.

A Taco Bell é a sexta marca mais valiosa do mundo no segmento de restaurantes. A nível global, são mais de 8 mil unidades em 32 países.

Touro de NY, Dalida e mais: conheça os monumentos que atraem dinheiro pelo mundo Touro de NY, Dalida e mais: conheça os monumentos que atraem dinheiro pelo mundo

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade