PUBLICIDADE

Petrobras (PETR4), Vibra (VBBR3) e Sabesp (SBSP3) protagonizam o mercado nesta quarta-feira; veja mais destaques

29 nov 2023 - 11h19
Compartilhar
Exibir comentários

A informação de que a Petrobras (PETR4) foi ao conselho administrativo de defesa econômica (CADE) para renegociar acordo sobre vendas de refinarias é um dos destaques desta quarta-feira (29).

Também está entre os destaques do mercado financeiro a Vibra (VBBR3), após  rejeitar a proposta de fusão feita pela Eneva (ENEV3)

A Sabesp (SBSP3) também é destaque hoje, depois da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) definir data para a votação do projeto de privatização

Veja os destaques do mercado financeiro hoje:

Petrobras

A Petrobras (PETR4) informou que, diante do alinhamento estratégico apresentado no Plano Estratégico para o quinquênio 2024-2028, requereu ao conselho administrativo de defesa econômica (CADE) a renegociação dos Termos de Compromisso de Cessação (TCCs) do Refino e do Gás celebrados em 11.06.2019 e 08.07.2019, respectivamente.

Vibra

A Vibra (VBBR3) negou a proposta de combinação de negócios apresentada pela Eneva (ENEV3).Após a análise da proposta pelo conselho de administração, a Vibra destacou em seu comunicado que essa relação de troca proposta é "injustificável".

Mesmo com a recusa, o conselho de administração pretende avaliar futuras novas manifestações da Eneva, desde que a empresa melhore de forma relevante os termos de sua proposta.

Sabesp 

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), André do Prado (PL), anunciou que a votação do projeto de privatização da Sabesp (SBSP3) começará no plenário da Casa a partir da próxima segunda-feira (4).

A expectativa de deputados da base do governo é de que a sessão da votação que definirá a privatização da Sabesp será entre os dias 4 e 6 de dezembro. O governo precisa de 48 votos para aprovar o projeto.

Assaí 

O Assaí (ASAI3) informou que a Orbis Investment Management Limited e entidades afiliadas aumentaram sua participação acionária na companhia, atingindo aproximadamente 10% do total de ações.

Banco Pine 

O Banco Pine (PINE4) informou que a agência de classificação de riscos S&P Global Ratings iniciou a cobertura do Banco, e atribuiu o rating de depósito de longo prazo de 'brA-' na Escala Nacional Brasil, com perspectiva estável.

Log Commercial Properties

O empresário Rubens Menin Teixeira alienou 825.537 ações emitidas pela Log Commercial Properties (LOGG3) e diretamente passou a deter 4,83% das ações da companhia.

Os destaques do mercado financeiro do Suno Notícias mostram os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia, como a Petrobras (PETR4), que deve estar no foco dos investidores ao longo do dia.

Suno
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade