1 evento ao vivo

Eduardo Bolsonaro nega pessimismo para aprovar Previdência

Filho do presidente eleito Jair Bolsonaro, deputado usou o Twitter para negar matéria do 'Estado'

28 nov 2018
17h08
atualizado às 17h36
  • separator
  • 0
  • comentários

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente eleito Jair Bolsonaro, afirmou nesta quarta-feira, 28, no Twitter que está "convencido" de que o próximo governo terá condições de aprovar a reforma da Previdência.

"Com interesses estranhos ao da nação, alguém atribuiu a mim essa falsa declaração, mas estou convencido de que teremos condições de aprovar a reforma. Faremos todo o necessário para viabilizá-la, conscientes de que é uma questão de enviar a mensagem certa ao povo brasileiro", escreveu o filho do presidente eleito.

Eduardo Bolsonaro, deputado eleito pelo PSL e filho do presidente eleito
Eduardo Bolsonaro, deputado eleito pelo PSL e filho do presidente eleito
Foto: Dida Sampaio / Estadão Conteúdo

A postagem da declaração ocorreu em reação à reportagem do Estado que mostrou que ele admitiu a investidores que o governo "talvez não consiga" reformar a Previdência, em almoço na terça-feira, 27.

"Precisamos usar a votação maciça do Jair Bolsonaro e os canais de redes sociais, em que temos conexão direta com as pessoas, para dizê-las a verdade (sobre a importância da reforma da Previdência). Tentaremos fazer o melhor. Se não tivermos uma vitória, desculpem, mas fiz minha parte. Não mentirei a vocês. Nunca virei aqui para sorrir para vocês e dizer 'nós faremos facilmente uma reforma da Previdência'. Não. Será difícil, será uma briga, talvez não consigamos fazer, mas faremos o nosso melhor", disse Eduardo, ao ser questionado sobre os passos iniciais do novo governo e do novo Congresso.

O encontro aconteceu a portas fechadas. O Estado teve acesso a um áudio com trecho do encontro e também a informações com três fontes presentes na reunião.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade