PUBLICIDADE

Como fazer o seguro certo quando for empreender nos EUA 

Especialista detalha quais apólices são indicadas para proteger um negócio em solo americano

19 out 2023 - 06h00
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Adobe Stock

Abrir um negócio nos Estados Unidos pode ser uma oportunidade de expandir o mercado e aumentar os lucros, mas também envolve riscos e desafios. Um deles é a necessidade de proteger o patrimônio, os funcionários e os clientes contra possíveis danos, acidentes ou processos judiciais. 

Por isso, é importante para um empresário que esteja planejando empreender ou mesmo para quem já tenha conseguido dar seus primeiros passos por lá contar com seguros adequados a cada atividade e às características da operação e mercado. Além de garantir a segurança e a tranquilidade, algumas coberturas também podem ser exigidas por lei ou por contratos com fornecedores ou clientes. 

Para evitar prejuízos, trata-se de um cuidado que garante que se cumpra as normas legais e confere mais credibilidade para o mercado americano.

“Tudo fica mais desafiador quando se está longe de casa. Montar uma empresa como imigrante é completamente diferente, você tem que começar do zero em tudo, desde entender a burocracia quanto conhecer e cativar o público”, afirma Tiago Prado, CEO da BRZ Insurance. 

“Por isso, a segurança e estabilidade desse negócio é tão importante, para não colocar em risco todo o esforço investido. Um processo judicial ou evento catastrófico pode ser suficiente para exterminar uma empresa antes mesmo de ela ter a chance de decolar”, avisa.

Os 5 seguros fundamentais

Tiago destaca 5 seguros fundamentais para uma empresa que atue nos EUA.

• Errors and Omissions (E&O) - Seguro de responsabilidade profissional

Também conhecido como seguro contra erros e omissões (E&O), cobre uma empresa contra reivindicações de negligência em caso de danos vindos de erros ou falha de execução. 

"Não existe uma apólice única; cada setor tem seu próprio conjunto de preocupações que serão abordadas em uma política personalizada escrita para uma empresa", diz o especialista.

• Commercial Property – Seguro de propriedade comercial

"Estando a empresa em local alugado ou próprio, o seguro de propriedade é essencial. Ele cobre equipamentos, sinalização, estoque e móveis em caso de incêndio, tempestade ou roubo. Vale lembrar que esta apólice não cobre eventos de destruição em massa, como inundações, terremotos e furacões. Se um negócio estiver estabelecido em uma região que tenha esse tipo de risco, é recomendado ter uma apólice específica para esses fenômenos."

• Business interruption – Seguro de interrupção de negócios

Esse seguro foi criado para situações causadas por desastres ou eventos catastróficos e que as operações da empresa serão interrompidas por força maior. 

"Um exemplo recente foi a pandemia, que forçou muitas empresas a baixarem as portas e ficar sem operar por meses. Durante essa interrupção, a empresa sofre com a perda de receita devido à incapacidade de sua equipe de trabalhar no escritório, fabricar produtos ou fazer reuniões de vendas.  Esse tipo de seguro é especialmente aplicável às empresas que requerem um local físico para fazer negócios, como lojas de varejo, restaurantes e fábricas e vai proteger contra interrupção de negócios ao compensar uma empresa pela perda de receita durante esses eventos", diz ele.

• Workers’ compensation – Seguro contra acidentes de trabalho

A apólice de Workers’ Compensation deve ser contratada a partir do momento que a empresa tenha seu primeiro funcionário. Ele cobrirá tratamento médico, benefícios por invalidez e morte no caso de um funcionário se ferir ou morrer como resultado do trabalho da empresa.  

"Mesmo que o trabalho dos funcionários seja aparentemente de baixo risco, lesões por escorregamento e queda ou condições médicas como a síndrome do túnel do carpo podem resultar em uma indenização cara."

• General Liability 

O seguro de responsabilidade, ou General Liability, ajuda a proteger a empresa contra queixas de lesões corporais e danos materiais. Esses tipos de queixas podem surgir a qualquer momento, durante o dia a dia do negócio, independentemente dos cuidados mantidos para evitar acidentes. 

"O seguro de responsabilidade geral ajuda a cobrir custos para responder a uma alegação de que a empresa causou danos materiais ou corporais. Pode ajudar a pagar por despesas médicas do cliente que se machucou no seu estabelecimento, o reparo de uma parede danificada acidentalmente por um prestador de serviço  na residência de um cliente, custos judiciais para defender a empresa no tribunal, danos à reputação resultantes de processo malicioso, calúnia, difamação, despejo injusto, violação da privacidade de uma pessoa, lesões de publicidade, como violação de direitos autorais dos anúncios da empresa, danos à propriedade alugada causados por perda coberta, como incêndio, raio ou explosão", finaliza Tiago.

(*) HOMEWORK inspira transformação no mundo do trabalho, nos negócios, na sociedade. É criação da Compasso, agência de conteúdo e conexão. 

Homework Homework
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade