2 eventos ao vivo

Por que uma influencer aceita fazer TV por salário de R$ 1?

Nathalia Arcuri explica o motivo de ir para a RedeTV! mesmo sem precisar da televisão para nada

19 mar 2021
08h52
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Culto ao ego? Autodesafio? Mera distração? Afinal, o que leva uma das mais bem-sucedidas (e bem pagas) influenciadoras digitais do Brasil a se aventurar nesse universo traiçoeiro chamado TV?

Estreante em TV, Nathalia Arcuri tem 4,3 milhões de seguidores no Instagram e quase 6 milhões de inscritos no YouTube
Estreante em TV, Nathalia Arcuri tem 4,3 milhões de seguidores no Instagram e quase 6 milhões de inscritos no YouTube
Foto: Reprodução/Instagram

Nathalia Arcuri, do Me Poupe, vai trabalhar na RedeTV! por salário de R$ 1. Assinou contrato para apresentar um talk show sobre finanças em horário nobre. Fará entrevistas com famosos e anônimos.

Mas por que trabalhar quase de graça em um canal com pouca audiência (a média diária raramente passa de 1 ponto)? “É um sonho poder levar a educação financeira ainda mais longe e chegar na casa de que não está aqui no Instagram, no YouTube, no site”, explica Arcuri em um post.

Muitos criadores de conteúdo, mesmo com sucesso consolidado nas plataformas digitais, alimentam o desejo da experiência na televisão, um veículo mágico que marcou a infância e a adolescência de tantas gerações.

Fazer TV é a cereja do bolo, a prova final e incontestável de uma trajetória vitoriosa. Apesar de criticada e até boicotada, a televisão ainda possui imensurável poder de influência — e continua a fascinar pelo status que oferece a quem dela faz parte e em razão do alcance gigantesco a todas as camadas desse País múltiplo e heterogêneo.

“Esse é um projeto que estava guardado a sete chaves esperando uma emissora de TV aberta corajosa o suficiente pra me deixar livre pra fazer o que eu quiser”, conta Nathalia. “Eu sempre digo: minha liberdade pra ensinar e dizer o que precisa ser dito sobre bancos, produtos financeiros e independência financeira não está à venda.”

Ela diz ter aceitado o salário simbólico “sem pensar duas vezes”. “Porque como boa investidora avaliei o custo de oportunidade da operação. O programa terá cotas de patrocínio e assim como sempre foi, apenas marcas alinhadas com o propósito Me Poupe! e que ofereçam benefícios reais serão autorizadas a nos apoiar”, explica. 

“Se der lucro, a empresa (a Me Poupe!) terá uma participação. Se não der, vai valer a pena do mesmo jeito.” Nathalia Arcuri reforça o valor social da empreitada: “Não é pelo dinheiro. É pela causa”. A influencer diz trabalhar 13 horas por dia na produção do programa. A data de estreia ainda não foi anunciada.

A atração chegará no momento adequado. Os ensinamentos e dicas de Arcuri poderão ajudar quem precisa melhorar a gestão do dinheiro que ganha, providenciar renda extra e aprender a poupar com maior rentabilidade. Em meio a um caos de incertezas provocado pela pandemia de covid-19, qualquer R$ 1 a mais no bolso faz diferença.

Veja também:

Assista ao gameplay de 'It Takes Two'
Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade