1 evento ao vivo

Filme ressalta Hebe ativista: “Defendo bichas, travestis”

​Novo teaser do longa estrelado por Andréa Beltrão mostra a ‘apresentadora de direita’ com pensamento de esquerda

26 jun 2019
13h45
  • separator
  • 0
  • comentários

Hebe Camargo foi um curioso paradoxo. Fazia parte da elite, cultivava amizade com ícones da direita, mas sempre teve pensamento progressista. 

Esse aspecto fica evidente no novo teaser do filme sobre sua vida, Hebe – A Estrela do Brasil, divulgado pela Warner.

Em cena no palco de seu programa, a apresentadora rebate uma crítica recorrente que faziam a ela.

“Me acusam de defender as bichas. ‘Ah, mas a Hebe é de direita e fica falando de bicha’. A Hebe não é de direita. A Hebe não é de esquerda. A Hebe é direta.” Aplausos da plateia.

Andréa Beltrão surpreende com interpretação enérgica da saudosa apresentadora
Andréa Beltrão surpreende com interpretação enérgica da saudosa apresentadora
Foto: Reprodução / Youtube

Na sequência, ainda diante das câmeras, ela reforça o ativismo midiático.

“Eu não defendo só as bichas, não. Eu defendo as bichas, os travestis, os aposentados, os desempregados. Eu defendo as mães solteiras. Defendo os excluídos. Eu defendo quem eu sinto que precisa. Eu defendo o que eu acho certo. Eu defendo o amor. Eu defendo o nosso País.”

Na época retratada – a década de 1980 – era usual referir-se aos travestis no masculino. Hoje, o politicamente correto é dizer ‘a travesti’.

A estrela da TV fazia a defesa das minorias não apenas em sua atração. Ao participar do Roda Viva, da TV Cultura, em 1987, ela se manifestou enfaticamente contra o preconceito.

“Por que você defende os homossexuais no seu programa?”, questionou o apresentador Augusto Nunes.

“Por que não defender? Por quê? Eles são piores do que a gente? Eles escolheram ser assim? Sãos seres humanos iguais a gente. Eles têm pai, têm mãe, irmãos, trabalham, pagam seus impostos.”

Na bancada, um jornalista insinuou que tal apoio diante de milhões de telespectadores poderia estimular o surgimento de mais gays e lésbicas.

“Não, não, meu queridinho, o fato de eu falar não vai mudar. Ou as pessoas nascem assim ou não nascem. Não é porque a Hebe Camargo falou.”

O primeiro trailer oficial de Hebe – A Estrela do Brasil, dirigido por Mauricio Farias, foi divulgado em 8 de março, Dia Internacional da Mulher e data de aniversário de Hebe. 

A apresentadora, que morreu em 29 de setembro de 2012, em consequência de um câncer, teria completado 90 anos.

No material visto até aqui, impressiona a qualidade da atuação de Andréa Beltrão, 55 anos.

A atriz carioca reproduz o vigor da inesquecível grande dama da TV. Destacam-se também a excelente caracterização e a reprodução da pronúncia inconfundível de Hebe.

O longa chega aos cinemas em 26 de setembro.

Veja também

 

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade