0

Doente, Thelma poderá morrer ao dar à luz ao próprio neto

Informações de bastidores indicam ainda que a personagem será confrontada por ter comprado Danilo após perder o único filho

1 fev 2020
10h34
  • separator
  • 0
  • comentários

No capítulo de sexta-feira (31) de Amor de Mãe, os telespectadores souberam que Thelma (Adriana Esteves) está tão obcecada em ser avó o mais rápido possível — antes de o aneurisma cerebral se romper — que passou a desejar que seu filho único Danilo (Chay Suede) termine o namoro com Camila (Jéssica Ellen), agora estéril em consequência das complicações de um aborto espontâneo. O público descobriu ainda que o rapaz não é filho biológico de Thelma. A médica Jane (Isabel Teixeira), confidente da comerciante, comentou a respeito da adoção dele. Foi o início de uma trama surpreendente.

Thelma (Adriana Esteves) será capaz de antecipar sua morte em nome do amor de mãe
Thelma (Adriana Esteves) será capaz de antecipar sua morte em nome do amor de mãe
Foto: TV Globo / Reprodução

Apesar da resistência de Thelma, que insiste na ideia de ter uma nora capaz de engravidar, Danilo e Camila vão se casar após a passagem de seis meses no tempo da novela. Enfim conformada com a união, Thelma ainda pensa em uma maneira de realizar seu grande sonho. Após assistir a uma palestra sobre 'útero de substituição', decide se oferecer para a gestação de um filho de Danilo e Camila — um ato chamado de barriga solidária. A princípio, o casal se assusta com a proposta. Depois aceitam e iniciam o tratamento de fertilização a fim de que embriões sejam transferidos para o útero de Thelma.

No meio desse processo de inseminação artificial, Durval (Enrique Diaz) conta a Danilo sobre a grave doença de sua mãe. Devastado, o jovem se apoia em Camila. Os dois sabem do alto risco que Thelma correrá ao ficar grávida. Tentam convencê-la a desistir do plano. Mas não conseguem. A gestação é confirmada: a futura avó começará a gerar em seu ventre o próprio neto.

De acordo com informações apuradas pelo blog, um dos finais cogitados é Thelma morrer logo depois do parto. O aneurisma se romperia em meio à felicidade pelo nascimento da criança. A morte da personagem está decretada desde o início do folhetim. A surpresa se dá pelo possível tom excessivamente dramático do desfecho: dar a própria vida por um sonho pessoal.

Mas, antes dessa choradeira derradeira, Thelma será obrigada a lidar com um segredo do passado. A verdadeira origem de Danilo virá à tona. Desde o início, a autora Manuela Dias deixou subentendido que o moço é Domênico, o filho vendido de Lurdes (Regina Casé). Caso isso se confirme, ganhará peso um flashback exibido nos primeiros capítulos. Na sequência, Thelma ainda jovem chega em casa e vê o imóvel tomado por chamas. Entra desesperada no quarto, tira um bebê do berço e vê o marido morto, sob escombros.

Tudo indica que aquele menino não sobreviveu à fumaça tóxica do incêndio. Viúva e sem o único filho, Thelma teria comprado o pequeno Domênico da traficante de menores Kátia (interpretada por Vera Holtz na fase final da personagem) e providenciado uma falsa adoção para disfarçar o crime. No leito de morte, Thelma pediria perdão a Danilo e Lurdes.

Amor de Mãe tem excelentes tramas, com engenhosa ligação entre os personagens de diferentes núcleos. Essa criação em torno da coprotagonista Thelma mostra a qualidade da dramaturgia. O público, por enquanto, assiste à novela com certa indiferença. A audiência é apenas mediana e quase não se nota repercussão nas redes sociais e no boca a boca. Lamentável. Trata-se de uma das melhores ficções produzidas pela Globo nas últimas décadas.

Veja também:

No Gogó do Paulinho Trailer

 

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade