PUBLICIDADE

5 habilidades de comunicação para aprender com o personagem Berlim

Especialista destaca pontos da nova série, derivada de La Casa de Papel, que chamam a atenção no personagem principal

11 jan 2024 - 06h15
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Netflix / Divulgação

Na última sexta-feira de 2023, exatamente em 29 de dezembro, estreou a tão esperada série derivada da famosa "La Casa de Papel" e protagonizada pelo personagem Berlim, que dá nome à nova série. No Brasil, Giovanni Begossi, Tedx Speaker e bicampeão brasileiro de oratória, conhecido como "El Professor da Oratória" por sua semelhança com o protagonista de "La Casa de Papel", é especialista em comunicação e conta quais os pontos positivos que podem ser observados no personagem da vez.

Imagem pessoal

“Perceba que o Berlim se veste de forma completamente elegante e impecável durante toda a série. E inclusive ele literalmente fala que se você se veste como ladrão, as pessoas vão te julgar assim, mas se a gente quer fazer um grande feito (nesse caso o roubo numa loja de luxo) tem que se vestir de gala e entrar pela porta da frente. Aqui ele já mostra o poder que as roupas têm de influenciar a visão que as pessoas têm sobre nós e o porquê ele está sempre muito bem arrumado. Se você quer convencer, ter uma imagem pessoal boa, o primeiro ponto é olhar para como está se vestindo. Não em relação a marcas, mas pensar em roupas que tenham um bom corte, que respeitem a sua proporção corporal, o seu estilo pessoal. Pode ser interessante procurar ajuda profissional de consultoria de imagem para entender melhor como usar isso a seu favor”, diz Giovanni.

Didática

“Para conseguir o feito de um assalto de dezenas de milhões de euros, foi preciso trabalhar em equipe e com todo mundo ciente e muito bem versado no plano. Para isso foi muito importante ter uma comunicação clara e didática, do contrário alguém podia errar e fazer com que todos fossem presos. Para ter uma comunicação mais didática, uma técnica que o Berlim usa é estruturar a sua fala. Então ele fala, em primeiro lugar, a gente vai fazer isso, isso, isso. Logo depois, o que nós vamos fazer? Vamos fazer isso e isso. Esses conectivos mostram para a pessoa o que é que está sendo dito, o que foi dito e tudo isso deixa a comunicação mais fácil de seguir. É o que a gente chama de linguagem de sinalização.”

Giovanni Begossi mostra os pontos principais do personagem Berlim
Giovanni Begossi mostra os pontos principais do personagem Berlim
Foto: Divulgação

Confiança

“Em uma das primeiras cenas um refém começa a se voltar contra os integrantes mais jovens. Em seguida chega Berlim e retoma o controle da situação. A diferença foi a linguagem corporal confiante. Então, se você quer convencer, deve manter uma postura ereta, ombros para trás, peito aberto, cabeça ereta, olhar no olho e não usar uma postura encurvada, ombros para dentro, desviando o olhar como se você não tivesse confiança. Se você tem uma postura confiante você convence mais”, diz El Professor.

Conexão

“O Berlim é uma pessoa extremamente persuasiva. E, para fazer essas conexões, ele se utiliza de várias técnicas de rapport, que consiste em criar conexão com qualquer pessoa de forma instantânea e se tornar mais carismático. Um exemplo disso na série é sua tentativa de sedução de uma mulher, na qual ele leva um livro que sabe que ela gosta só para ter um assunto em comum. Ao ver o exemplar em sua mão, a moça se interessa em iniciar uma conversa para falar de seus gostos similares. Essa é uma ótima técnica de rapport, assim como olhar no olho, sorrir, falar o nome da pessoa e fazer ela se sentir importante ouvindo genuinamente o que ela tem a dizer.”

Domínio sobre princípios do comportamento humano

“Na série, o plano do Berlim dá muito certo justamente porque ele sabe como cada pessoa vai reagir em cada momento. Então ele sabe que se um integrante da equipe chegar com uma pizza gelada e com o pedido errado vai irritar o guarda que vai sair do posto dele e parar de olhar as câmeras. Quando você entende sobre comportamento humano permite que use isso a seu favor. No mundo real não é diferente. Quando você sabe sobre persuasão você vai conseguir vender mais, fazer mais networking, subir na sua carreira. Então estude sobre comunicação, oratória, carisma, persuasão, tudo isso vai fazer você ir mais longe assim como o Berlim, mas para fins lícitos”, finaliza El Professor da Oratória.

(*) HOMEWORK inspira transformação no mundo do trabalho, nos negócios, na sociedade. É criação da Compasso, agência de conteúdo e conexão. 

Homework Homework
Compartilhar
Publicidade
Publicidade