PUBLICIDADE

Ralf teve visão premonitória da morte de Chrystian há dois dias: "Pai veio buscá-lo"

O cantor sertanejo pressentiu o final do irmão e lamentou ter ficado quatro anos sem encontrá-lo após o fim da dupla

20 jun 2024 - 14h03
(atualizado às 17h29)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Instagram/Ralf / Pipoca Moderna

Ralf lamentou nesta quinta-feira (20/6) a morte do irmão Chrystian, com quem fez dupla sertaneja por quase duas décadas. O cantor não conteve a emoção ao falar sobre a memória do irmão durante o velório do sertanejo em São Caetano do Sul (SP), lamentando que, por conta das agendas, uma vez que cada um seguiu carreira solo, estavam sem encontrar há quatro anos, desde o fim da dupla.

"Fazia quatro anos, porque não coincidia. Eu fazendo show em um lugar e ele em outro. Mas é meu irmão, isso é muito importante", disse ao G1. "Ele contribuiu muito, a gente fazia arranjos juntos, ele escolhia o repertório. É triste demais perder um parceiro assim, e meu irmão".

Premonição

O artista também contou que teve uma visão premonitória da morte de Chrystian, dois dias antes o falecimento. "Senti que meu pai viria buscá-lo. Falei disso em casa e o pessoal ficou meio assim quando comentei. É uma tristeza que vocês não podem imaginar. Além de irmão, foi um parceiro de carreira por 38 anos. Estou muito triste", disse Ralf para a Quem.

Morte de Chrystian

O cantor Chrystian morreu aos 67 anos na noite de quarta-feira (19/6), em São Paulo. Ele teve parada cardíaca e chegou a ser transportado de helicóptero da Polícia Militar até o Hospital Samaritano, mas acabou não resistindo.

O artista sofria de rim policístico, um distúrbio hereditário que faz grupos de cistos se desenvolverem no órgão, e se preparava para um transplante de rim, que seria doado por sua esposa, Key Vieira. A cirurgia estava marcada para março, mas foi adiada para o final do ano devido a problemas de saúde do cantor.

Durante os exames pré-operatórios, Chrystian precisou ser submetido a um cateterismo, o que exigiu o uso de medicação anticoagulante por seis meses, impossibilitando a realização da cirurgia de transplante durante este período.

Pipoca Moderna Pipoca Moderna
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade