1 evento ao vivo

Com apenas 18 anos, Billie Eilish é favorita ao Grammy

Cantora é um dos destaques da cerimônia, que ocorre na noite deste domingo; confira outros artistas favoritos

26 jan 2020
06h11
atualizado às 09h09
  • separator
  • 0
  • comentários

Ela não é a artista com mais indicações no Grammy de 2020, mas, para alguém com 18 anos recém-completados, atingiu um feito e tanto. Billie Eilish foi nomeada a seis categorias, incluindo Gravação do Ano, Álbum do Ano e Artista Revelação. As canções depressivas dela, que deram origem a videoclipes curiosos e perturbadores, se tornaram a atual trilha sonora do público adolescente.

Billie Eilish foi nomeada a seis categorias, incluindo Gravação do Ano, Álbum do Ano e Artista Revelação
Billie Eilish foi nomeada a seis categorias, incluindo Gravação do Ano, Álbum do Ano e Artista Revelação
Foto: Mike Blake / Reuters

O início da trajetória de Eilish deve ser consagrado na cerimônia do prêmio de música, que ocorre na noite deste domingo, 26. A partir de 21h, o canal a cabo TNT inicia a transmissão da cerimônia, que começa efetivamente uma hora depois.

Eilish gravou o disco de estreia, When We All Fall Asleep, Where Do We Go?, em um estúdio doméstico. O irmão dela, FINNEAS, coordenou a elogiada produção. A dupla trouxe um novo aspecto à mistura de pop e música eletrônica, quase minimalista por conta das letras. As canções falam de tristeza, perda e solidão. Eilish disse que teve depressão e, em uma entrevista que deu na semana passada ao jornal inglês The Independent, afirmou ter pensado em suicídio depois que, com a fama, os amigos se afastaram.

Outra artista que também deve levar algum prêmio do Grammy é a rapper Lizzo, a recordista de indicações, concorrendo em oito categorias.

Cuz I Love You (2019), terceiro disco da cantora, é uma pérola pop. Em Juice, música lançada como single, ela dialoga com a disco music dos anos 1970, exibindo vitalidade.

Apesar de já estar no terceiro álbum, Lizzo disputa com Eilish o prêmio de Artista Revelação. O Grammy considera apto para concorrer nessa categoria artistas cujos discos alcançaram "um avanço na consciência pública e impactaram notavelmente o cenário musical".

O rapper Lil Nas X foi indicado para a mesma categoria e concorre a outros cinco prêmios. Com 20 anos de idade, ele fundiu rap e música country em Old Town Road, que inicialmente foi difundida pela rede social TikTok.

Na cerimônia deste ano, o Brasil marca presença apenas na categoria Melhor Álbum de Jazz Latino com Sorte!: Music By John Finbury, álbum com participação da cantora Thalma de Freitas e de músicos como Chico Pinheiro.

Acusações. A cerimônia do Grammy 2020 ocorre dias depois do afastamento da presidente da entidade, Deborah Dugan. Ela assumiu o cargo em agosto de 2019 e foi colocada em licença administrativa, por "alegações de má conduta".

Após sair do cargo, Dugan detalhou em documento enviado a uma agência fiscalizadora trabalhista dos EUA "conflitos de interesse flagrantes, negociação indevida por parte dos membros do Conselho e irregularidades na votação em relação às indicações ao Grammy Awards, tudo isso possibilitado pela mentalidade do 'clube dos meninos' e pela abordagem de governança na Academia".

Bill Freimuth, diretor do prêmio, negou as acusações. "As alegações ilegítimas de que membros ou comitês usam nosso processo para promover indicações para artistas com quem eles têm relacionamentos são categoricamente falsas, enganosas e erradas", afirmou ele em comunicado.

DESTAQUES

Gravação do Ano

'Hey, Ma' - Bon Iver
'Bad Guy' - Billie Eilish
'7 Rings' - Ariana Grande
'Hard Place' - H.E.R
'Talk' - Khalid
'Old Town Road' - Lil Nas X e Billy Ray Cyrus
'Truth Hurts' - Lizzo
'Sunflower' - Post Malone e Swae Lee

Álbum do Ano

'I,I' - Bon Iver
'Norman F***ing Rockwell!' - Lana Del Rey
'When We All Fall Asleep, Where Do We Go?' - Billie Eilish
'Thank U, Next' - Ariana Grande
'I Used To Know Her' - H.E.R.
'7' - Lil Nas X
'Cuz I Love You' - Lizzo
'Father Of The Bride' - Vampire Weekend

Música do Ano

'Always Remember Us This Way' - Lady Gaga
'Bad Guy' - Billie Eilish
'Bring Me Flowes Now' - Tanya Tucker
'Hard Place' - H.E.R.
'Lover' - Taylor Swift
'Norman F***ing Rockwell' - Lana Del Rey
'Someone You Loved' - Lewis Capaldi
'Truth Hurts' - Lizzo

Artista Revelação

Black Pumas
Billie Eilish
Lil Nas X
Lizzo
Maggie Rogers
Rosalía
Tank and The Bangas
Yola

Melhor Álbum Vocal de Pop Tradicional

'Sì'- Andrea Bocelli
'Love' - Michael Bublé
'Look Now' - Elvis Costello & The Imposters
'A Legendary Christmas' - John Legend
'Walls' - Barbra Streisand

Veja também:

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade