PUBLICIDADE

Olga Bongiovanni conta detalhes dos encontros com Silvio Santos: “Maior de todos”

Apresentadora com meio século de carreira destaca os ensinamentos aprendidos com o dono do SBT, afastado dos estúdios desde 2022

17 abr 2024 - 10h43
Compartilhar
Exibir comentários

Qualquer pessoa, famosa ou anônima, fica impactada ao se ver diante de Silvio Santos. O mais popular apresentador da TV brasileira é um mito vivo. Olga Bongiovanni teve o privilégio de entrevistá-lo e, anos depois, manter uma conversa profissional. 

Em 7 de abril, Dia do Jornalista, a apresentadora fez postagem comemorativa usando uma foto tirada com o comunicador 36 anos atrás. O Sala de TV quis saber o contexto da imagem e sua opinião sobre o dono e maior estrela do SBT.

Olga Bongiovanni conseguiu uma entrevista exclusiva com Silvio Santos na sede do SBT em São Paulo, em 1988
Olga Bongiovanni conseguiu uma entrevista exclusiva com Silvio Santos na sede do SBT em São Paulo, em 1988
Foto: Reprodução/Instagram

Por que escolheu um registro com Silvio Santos para festejar a profissão?

Tenho por ele, assim como a maioria dos brasileiros, grande respeito e carinho pela sua trajetória e seus ensinamentos. Aquele momento significou muito na minha carreira por vários motivos. Lembro dos anos nessa caminhada, de todos que me influenciaram, estenderam a mão, incentivaram. Silvio Santos é o maior de todos os tempos. Nos ensinou que para sermos entendidos é necessário que se repita muitas vezes a mesma frase, a mesma palavra. Parece bobagem, mas não é. Hoje, com as redes sociais, é incrível o número de vezes que tenho de repetir a mesma coisa (risos). Continua tudo igual.

Trabalhava em qual emissora? Como foi o encontro?

Em 1988, eu apresentava telejornal na Rede OM e tinha um programa na Rádio Cidade de Cascavel, no Paraná. Por meio da rádio, nos inscrevemos para participar do Cidade x Cidade, apresentado pelo Gugu. Movimentamos a população inteira, foi uma loucura. Lotamos quatro ônibus e enfrentamos 14 horas de viagem até São Paulo. Chegamos domingo cedo no teatro para gravar. Eu coordenava a galera. Saí da plateia para tentar encontrar o Silvio. Me coloquei do outro lado da rua com os olhos fixos naquela porta estreita por onde ele sairia. Depois de muita sede, calor, cansaço, a porta se abriu e ele apareceu.

O que sentiu ao vê-lo pela primeira vez?

O coração queria saltar pela boca. Os seguranças não queriam me deixar chegar perto. Quando ele se aproximou do carro, gritei ‘Silvio, por favor, Cascavel, fala comigo’. Ele me olhou, abriu os braços, disse aos seguranças para me deixar passar e falou ‘Vem, Cascavel’. Quase morri.

Ele foi simpático?

Muito gentil e carinhoso. Perguntou sobre a cidade e como tinha sido nossa viagem. Os seguranças me disseram para não falar de política, mas não deixei de perguntar se ele seria candidato a presidente da República no ano seguinte. Silvio desconversou, disse que era melhor continuar no SBT, que não tinha talento para a política.

(Silvio acabou se lançando candidato, chegou a aparecer em 1° lugar nas pesquisas de intenção de votos, mas teve a candidatura impugnada. O pleito acabou vencido por Fernando Collor após disputar o 2° turno com Lula.)

Olga Bongiovanni está na TV Evangelizar; Silvio em rara aparição pública, em fevereiro deste ano
Olga Bongiovanni está na TV Evangelizar; Silvio em rara aparição pública, em fevereiro deste ano
Foto: Reproduções/Instagram

Qual outra lembrança daquele encontro?

Um grande ensinamento de Silvio: não deixe de ouvir seu fã. É por conta desse admirador que você ficou famoso. Dar atenção custa tão pouco. Lamento os artistas que depois da fama esqueceram de onde saíram. Silvio não despreza seu início de carreira, por isso ele é o melhor. Ah, um detalhe: vencemos o programa naquele dia e levamos uma ambulância zerinho para nossas obras sociais. Voltamos no ano seguinte e ganhamos novamente.

Esteve com Silvio outras vezes?

Outras duas vezes. Fiquei feliz em saber que ele me assistia na Band. Elogiou minha voz e a postura na apresentação dos programas. Lembro das suas palavras: ‘Você é muito séria, gosto de você’. Nem preciso falar o quanto significou para mim.

Chegou a negociar para trabalhar no SBT?

Estive na emissora na época da reestruturação do programa Casos de Família, mas não evoluímos na conversa. Fazer barraco na TV nunca foi minha praia.

O que acha do afastamento de Silvio da televisão?

Sabe, fico imaginando o Silvio em casa, assistindo a tudo, dando opiniões e conselhos. Não consigo vê-lo parado porque ele nasceu para essa grande doação ao público, mas precisamos respeitar sua vontade. Sabemos que o domingo nunca mais será o mesmo e não há nada que preencha esse vazio. Silvio é único e ponto final. Saudade...

Olga e sua neta, Alice, em uma gravação na casa da apresentadora
Olga e sua neta, Alice, em uma gravação na casa da apresentadora
Foto: Reprodução/Instagram

Você chegou aos 50 anos de carreira como comunicadora. Qual avaliação?

Analiso com muito orgulho. Começaria tudo outra vez. Um grande aprendizado de vida. Que profissão maravilhosa essa que me coloca em contato com pessoas tão interessantes todo dia, que só agregam à minha vida. Sinto orgulho de ser uma mulher do século passado que venceu o machismo, as dificuldades para executar as tarefas diárias e hoje desfruta dessa tecnologia e agilidade para transmitir informação e entretenimento com responsabilidade.

Concorda que o jornalismo profissional está enfraquecido pelo excesso de fake news e a atuação de comunicadores mal-intencionados?

Tenho certeza. Isso me entristece. Não há luz, as coisas só pioram. Como pode tanta irresponsabilidade na hora de falar, apresentar, escrever, repassar informações? A internet é maravilhosa, mas dá voz e espaço a muitos imbecis. É falta de respeito, parece terra de ninguém, isso precisa mudar. Estamos regredindo e minha preocupação agora é com as próximas eleições. Haja estômago.

Após passar por Band, RedeTV!, Gazeta e outros canais, você agora está na TV Evangelizar. Quais novidades na carreira?

Colocamos o pé na estrada para conhecer pessoas e aprender novas receitas com o povo brasileiro. Também nos preparamos para transmitir nossa programação no Rio de Janeiro a partir de julho. A TV Evangelizar já chega à casa de mais de 90 milhões de brasileiros. É ótimo crescermos juntos, abrirmos novos caminhos. Fazer televisão é isso: jamais parar de sonhar e criar.

Sala de TV Blog Sala de TV - Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. Qualquer dúvida ou reclamação, favor contatá-lo diretamente no e-mail beniciojeff@gmail.com.
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade