As curiosidades de Sonic 2

Ouriço mais famoso do mundo voltou com tudo em 1992 e ainda ganhou um parceiro de aventuras na segunda entrada dessa franquia de sucesso

1 out 2020
14h11
atualizado em 7/10/2020 às 15h25
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Nos longínquos anos 90, como os millenials bem devem lembrar, em tempos antes do Playstation, a maior rixa do mundo dos consoles era entre as japonesas Sega e Nintendo. O reinado absoluto de Mario se viu ameaçado em 1991 com o sucesso estrondoso de Sonic, The Hedgehog.

O ouriço mais rápido do mundo protagonizava um jogo de plataforma mais completo e desafiador que seu concorrente, com múltiplas formas de se completar uma mesma fase e uma mecânica de jogo inovadora. O sucesso do primeiro jogo, Sonic The Hedgehog, abalou o mundo da Nintendo. Mas foi no segundo volume da franquia, em 1992, que o negócio ficou mais sério.

Sonic 2 trouxe diversas inovações para a franquia de sucesso.
Sonic 2 trouxe diversas inovações para a franquia de sucesso.
Foto: Reprodução/Sega

Sonic 2 tomou as prateleiras de assalto e vendeu mais de 6 milhões de cartuchos para o Sega Genesis, introduziu o personagem Tails e recebeu elogios pelo design das fases e pelos gráficos avançados para a época. Foi pensando no caráter inovador deste clássico que o Terra separou várias curiosidades sobre Sonic 2 para você! Confira a lista abaixo.

Primeira aparição de Tails

Tails chegou com tudo em Sonic 2.
Tails chegou com tudo em Sonic 2.
Foto: Reprodução/Sega


Se hoje o parceiro de Sonic já é figurinha carimbada na maioria dos jogos da série, foi em 1992 que ele fez sua primeira aparição. A raposa ajudava Sonic a derrotar os inimigos, e também foi um personagem jogável, o que nos leva para nossa segunda curiosidade.

Primeiro Sonic de 2 jogadores

Chega de fazer o primo mais novo fingir que tá jogando: Sonic 2 permitia multiplayer.
Chega de fazer o primo mais novo fingir que tá jogando: Sonic 2 permitia multiplayer.
Foto: Reprodução/Sega

Chega de revezar o controle! Sonic 2 permitia que duas pessoas jogassem ao mesmo tempo, uma como Sonic e outra como Tails. Essa modalidade permitia aos jogadores apostar corrida para ver quem terminaria uma fase primeiro.

Primeiro Sonic com fases 3D

Gráficos "3D" inovaram para a época.
Gráficos "3D" inovaram para a época.
Foto: Reprodução/Sega

Se hoje em dia grande parte dos jogos já são em 3D, a revolução gráfica de Sonic 2 mudou  intercalava a clássica perspectiva lateral do primeiro jogo com fases em 3 dimensões. Para a época, os gráficos impressionavam, e esse tipo de controle foi mais tarde aprimorado em outros jogos da franquia.

Robotnik ou Eggman?

Sonic enfrenta seu arqui-inimigo supostamente soviético em Sonic 2.
Sonic enfrenta seu arqui-inimigo supostamente soviético em Sonic 2.
Foto: Reprodução/Sega

O arqui-inimigo de Sonic, Eggman, se chamava Robtnik apenas na versão americana do jogo. Em pleno início dos anos 90, a rixa Estados Unidos e União Soviética se encerrava com o fim da guerra fria, mas a imagem do Russo vilão ainda perdurava. Posteriormente, Eggman passou a se chamar assim definitivamente.

Tails quase não foi uma raposa

Tails quase não foi a raposa queridinha do público.
Tails quase não foi a raposa queridinha do público.
Foto: Reprodução/Sega

Antes de ser a raposa fofinha que todos conhecemos, Tails quase foi um esquilo voador. Depois, quase foi um Tanuki, uma espécie de Guaxinim típico do Japão, mas a ideia foi abandonada devido ao concorrente da Nintendo, Mario, já ter uma roupa especial de guaxinim que o permitia voar. 

E aí, curtiu as curiosidades? Se você gosta de Sonic 2, não se esqueça do game show Extra Life, que terá um super campeonato de speedrun desse e de vários outros jogos, no dia 10 de Outubro. A transmissão será aqui no Terra, e você pode ficar de olho no Youtube e no Instagram do evento para não ficar de fora! 

Veja também

 

Fonte: Equipe portal
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade