PUBLICIDADE

Rainha da Grande Rio, Paolla comemora título: "Que felicidade"

Esta foi a primeira vez que a agremiação ganhou o título

26 abr 2022 18h20
| atualizado às 18h20
ver comentários
Publicidade
Foto: SpinOff

A atriz Paolla Oliveira, Rainha de Bateria da Grande Rio, comemorou o título inédito da escola de samba no Carnaval do Rio de Janeiro. "Que felicidade fazer parte desse momento", publicou no Twitter e no Instagram.

A atriz desfilou como pombagira à frente da bateria, na agremiação que foi a penúltima escola a desfilar pela Sapucaí. O elenco estrelou com o enredo "Fala, Majeté! As sete chaves de Exu", que teve como objetivo desmistificar o orixá, visto como algo ruim pelos ocidentais.

É o primeiro título da escola de Duque de Caxias, que já tinha batido na trave em outras quatro oportunidades. 

Todas as agremiações foram avaliadas em nove quesitos (fantasias, harmonia, comissão de frente, samba-enredo, bateria, alegorias e adereços, enredo, mestre-sala e porta-bandeira, e evolução). Ao todo, 45 jurados, cinco para cada quesito, atribuíram notas durante os desfiles de sexta-feira e sábado.

Na primeira noite, Imperatriz Leopoldinense, Mangueira, Salgueiro, São Clemente, Viradouro e Beija-Flor desfilaram pela Marquês de Sapucaí. Já a segunda noite teve Paraíso do Tuiuti, Portela, Mocidade Independente, Unidos da Tijuca, Grande Rio e Vila Isabel.

Os julgadores deram notas de 9,0 a 10 e podiam estabelecer notas fracionadas. Antes do início da leitura das notas, a Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro anunciou as penalidades. A Paraíso do Tuiuti perdeu 0,2 por passar do tempo limite do desfile e a Mocidade Independente de Padre Miguel começa com menos 0,1 por invasão.

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Publicidade