PUBLICIDADE

Como aumentar a valorização do seu carro na hora da venda

Com o mercado de seminovos aquecido, deixar o veículo em boas condições pode facilitar a negociação

6 nov 2023 - 06h15
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Adobe Stock

O mercado de veículos seminovos e usados continua aquecido. O comércio dos carros ‘de segunda mão’ continua em alta no Brasil. Por isso, na hora de trocar de carro, vale a pena deixar o veículo que entrará no negócio em bom estado.

Segundo o relatório divulgado no início de outubro pela Fenauto (Federação dos Revendedores de Veículos Usados), entidade que representa os lojistas de veículos multimarcas, as vendas acumuladas de veículos seminovos e usados, até setembro deste ano no Brasil, chegaram à marca de 10.627.886. O relatório registrou, também, que o total acumulado de vendas em 2023 já superou em 8,8% o número registrado no ano passado.

Um veículo bem apresentável e em boas condições pode atrair compradores e garantir um preço melhor na negociação. Existem estabelecimentos e profissionais do mercado de veículos que utilizam-se de meios inadequados, que visam disfarçar, mascarar ou esconder problemas que podem prejudicar o comprador, o que pode ser enquadrado como uma contravenção sujeita a punição judicial.

Sempre é importante ser transparente e mostrar a realidade do veículo, sendo possível aumentar sua valorização e, com isso, as chances de venda, através de atitudes e dicas como:

Limpeza Profunda

Antes de tudo, é importante fazer uma limpeza completa no interior e exterior do veículo. Isso inclui aspirar o interior, limpar os estofamentos, lavar a carroceria e vidros. Um carro limpo parece mais bem cuidado e valoriza sua apresentação. 

Dica: realizar a higienização do sistema de ventilação pode ser um diferencial neste momento.

Manutenção Mecânica

É preciso certificar-se de que o carro esteja em boas condições mecânicas, verificando também o óleo, fluidos, freios, pneus e qualquer outro possível problema mecânico. Se houver reparos necessários, é importante fazê-los antes de colocar o carro à venda ou expor a necessidade ao possível comprador. 

Dica: ofereça uma revisão pré-compra.

Reparos Estéticos

Pequenos reparos estéticos podem fazer uma grande diferença. Trocar peças desgastadas, como maçanetas e retrovisores, consertar pequenos amassados e arranhões, e substituir lâmpadas queimadas, mostra cuidado com o veículo.

 Documentação em Ordem

Garantir que a documentação do carro esteja completa e em ordem, incluindo o certificado de registro e licenciamento do veículo (CRLV), comprovante de pagamento do IPVA, entre outros, certamente deixarão prováveis compradores mais confiantes em adquirir um carro com a papelada em dia. 

Dica: realizar o Laudo Cautelar traz mais segurança para quem compra.

Detalhamento Profissional

Pode-se considerar um investimento em um serviço de detalhamento profissional. Isso dará ao carro um aspecto mais brilhante e bem cuidado, pois um veículo limpo e polido impressiona os compradores. 

Dica: aquele farol com aspecto amarelado às vezes espanta e hoje é possível resolver esse problema sem precisar trocar.

 Preço Realista

Pesquisar o mercado para determinar um preço justo para o carro seminovo é de extrema importância. Preços muito altos podem afastar compradores, enquanto preços muito baixos podem levantar suspeitas, por isso é válido ser transparente sobre o valor. 

Dica: utilize a tabela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) como base para proposta de valor.

Anúncios Online com fotos de qualidade

Usar sites de classificados e redes sociais para anunciar o carro, com fotos de alta qualidade, em um local bem iluminado, mostrando todos os ângulos, o interior e quaisquer recursos especiais, também é importante. Vale a pena escrever uma descrição completa e honesta, incluindo informações sobre quilometragem, histórico de manutenção e qualquer melhoria realizada. 

Dica: se seu veículo é de nicho, procure algum grupo na rede social para ajudar na divulgação.

Negociação Amigável

Ao receber potenciais compradores, é importante ser cordial e estar preparado para responder a perguntas. Ser transparente sobre o histórico do carro e estar disposto a negociar o preço de maneira justa também ajudam na hora da venda. 

Dica: mostrar os manuais, chaves reserva, notas fiscais, podem ser argumentos para fechar um bom negócio.

Dicas do especialista

 De acordo com Danilo Ribeiro, coordenador do Centro de Treinamento Técnico e Inovação da DPaschoal, a primeira impressão conta muito, e um veículo bem cuidado e apresentável pode fazer toda a diferença na hora da venda. 

“Muitos compradores decidem comprar um veículo com base na primeira impressão que ele causa, e isso é algo que não pode ser subestimado. Quando um carro é bem cuidado, limpo e tem uma boa aparência, ele transmite a mensagem de que foi bem mantido mecanicamente também. Os compradores sentem-se mais confiantes em investir em um veículo que aparenta estar em boas condições, e isso frequentemente se reflete em um preço de venda mais favorável", diz ele. 

"Reparos estéticos simples, como a correção de arranhões, substituição de peças desgastadas e uma limpeza profissional, podem fazer uma grande diferença. Não se trata apenas de estética, mas também de mostrar ao comprador que você se preocupou com o veículo durante o tempo que o possuiu. Isso não apenas ajuda a atrair compradores, mas também a garantir um processo de venda mais suave e justo para ambas as partes envolvidas", finaliza Ribeiro.

(*) HOMEWORK inspira transformação no mundo do trabalho, nos negócios, na sociedade. É criação da Compasso, agência de conteúdo e conexão.

Homework Homework
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade