PUBLICIDADE
AO VIVO
O que esperar da estação mais fria do ano?

"Óvni peludo" encontrado nos EUA pode ser pedaço de nave da SpaceX, de Elon Musk

Painel de um metro de largura, repleto de fibras de carbono queimadas e desgastadas, foi encontrado no em uma trilha na Carolina do Norte

29 mai 2024 - 16h27
Compartilhar
Exibir comentários
Material foi encontrado em uma trilha na Carolina do Norte
Material foi encontrado em uma trilha na Carolina do Norte
Foto: WMTW Channel 8/Reprodução

Um objeto estranho que caiu do céu da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, pode ser um pedaço de uma das espaçonaves SpaceX, agência do bilionário Elon Musk. Chamado de "óvni peludo", o material foi analisado por especialistas espaciais.

O painel de um metro de largura, repleto de fibras de carbono queimadas e desgastadas, foi encontrado no meio de uma trilha na cidade de Canton, na semana passada, pelo zelador Justin Clontz. 

Segundo a reportagem, o objeto de metal preto carbonizado também se assemelha a dois destroços encontrados no Canadá e na Austrália, que foram identificados como sendo da espaçonave Dragon, da SpaceX. 

“Os destroços correspondem à localização esperada dessas reentradas”, disse o astrofísico do Smithsonian, Jonathan McDowell, em entrevista ao Daily Mail, acrescentando que estava “muito confiante” nesta avaliação. 

Especialistas acreditam que "óvni peludo" encontrado nos EUA caiu de nave da SpaceX
Especialistas acreditam que "óvni peludo" encontrado nos EUA caiu de nave da SpaceX
Foto: WMTW Channel 8/Reprodução

"Temos coincidência no tempo e no lugar. Eles se parecem entre si e com os destroços da Austrália, que foram confirmados como provenientes do Dragon”, disse o Dr. McDowell. 

A fibra de carbono dos detritos semelhantes a de óvnis parecia quase uma espécie de pelo estranho, conforme os relatórios iniciais descreviam o objeto, até então, misterioso.

Embora este pedaço de destroço da SpaceX tenha caído com segurança a cerca de 800 metros por uma trilha remota, o McDowell comentou que tanto os programas espaciais governamentais quanto os privados tornaram-se perigosamente negligentes com seu lixo espacial nos últimos anos.

“O risco para vidas e propriedades é bastante pequeno – porque a Terra é um grande alvo e em sua maioria não está coberta de pessoas – mas não é pequeno”, afirmou McDowell ao Daily Mail. 

Fonte: Redação Byte
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade