PUBLICIDADE

Como chips de cães de Jeff Machado ajudaram a achar corpo do ator

A descoberta dos cães abandonados levou a polícia a investigar o desaparecimento de Jeff

25 mai 2023 - 12h22
(atualizado às 12h32)
Compartilhar
Exibir comentários
Ator era apegado aos cães e hipótese de abandono foi rapidamente descartada
Ator era apegado aos cães e hipótese de abandono foi rapidamente descartada
Foto: Reprodução/Instagram/Jeff Machado

Chips de localização que Jeff Machado mantinha em seus animais, oito cães da raça Setter, foram fundamentais para que a polícia constatasse o desaparecimento e conseguisse localizar o corpo do ator.

Seus restos mortais foram encontrados cimentados e enterrados em um baú de madeira, dentro de uma propriedade em Campo Grande, Zona Oeste do Rio de Janeiro, na segunda-feira (22), cerca de quatro meses após o desaparecimento.

Segundo o G1, a ONG Indefesos, de resgate de animais, começou a receber casos de cães de raça vagando por bairros da zona oeste carioca no final de janeiro. Até então, familiares e amigos não tinham ciência do desaparecimento de Jeff e mantinham contato por WhatsApp com seu perfil - depois, descobriu-se que alguém se passava pelo ator. 

A partir do aparecimento do quarto cão, funcionários da ONG usaram chips, normalmente encontrados em cachorros de raça restrita, para localizar o dono. Como o ator mantinha zelo pelos animais, a hipótese de abandono foi rapidamente descartada e as investigações da polícia começaram.

A Polícia Civil informou que as investigações agora "seguem para apurar a autoria e a motivação do crime, e esclarecer os fatos."

O Byte também entrou em contato com a Indefesos para saber mais sobre os chips encontrados nos cachorros e atualizará a nota com as respostas da entidade.

Como funcionam chips para cães?

Chips para cães são dispositivos instalados sob a pele do animal com dados que identificam o tutor e seu endereço. Um leitor adequado, disponível em clínicas veterinária, pode fazer a leitura. Ao contrário do que muitos imaginam, o mais comum é que os chips não funcionem como rastreador, tendo somente função de identificação. 

O animal não passa por sofrimento nem tem danos à saúde com a instalação da tecnologia

Veja linha do tempo:

  • O primeiro cão encontrado foi Cazuza, vagando por Santa Cruz, em 30 de janeiro;
  • No dia seguinte, outro cão chamado Vinícius de Moraes foi encontrado em condições parecidas;
  • Os cães Nando Reis e Tim Maia foram encontrados em 1º de fevereiro, e o aparecimento sequencial de Setters pelos bairros começou a chamar atenção;
  • Em 3 de fevereiro, Elis Regina foi encontrada em Paciência, e Rita Lee foi encontrada morta após ser atropelada;
  • No dia seguinte, Caetano Veloso foi localizado em Campo Grande, o mesmo bairro onde o corpo de Jeff foi encontrado posteriormente.
Fonte: Redação Byte
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade