PUBLICIDADE

Bolhas de nitrogênio, bailarina voando e pulseiras de LED: os efeitos especiais no carnaval do Rio

Escolas de samba apostaram na tecnologia para criar efeitos especiais na Sapucaí; veja

12 fev 2024 - 10h46
Compartilhar
Exibir comentários

A tecnologia brilhou no primeiro dia de desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro, neste domingo (11), na Sapucaí. As escolas do grupo especial impressionaram ainda mais na avenida com efeitos especiais que intrigaram o público. 

Bolhas de nitrogênio, pulseiras iluminadas para o público, bailarina flutuando a cerca de 10 metros do chão e rainha da bateria virando onça em plena avenida; esses foram alguns dos efeitos especiais que utilizaram a tecnologia para encantar o carnaval de 2024 no Rio de Janeiro. 

Além dos efeitos em cada alegoria, as escolas também apostaram este ano em um roteiro de iluminação especial. O recurso tecnológico podia escurecer a avenida em alguns momentos do desfile, de acordo com o efeito que a agremiação queria causar.

A ferramenta também proporcionou que a iluminação pulsasse no ritmo da batida da bateria; coloriu a Sapucaí por completo ou iluminou apenas um ponto específico do desfile. 

Efeitos especiais

A escola de samba Imperatriz Leopoldinense encerrou a primeira noite de desfiles do Grupo Especial do Rio de Janeiro, na madrugada desta segunda-feira (12). Em sua apresentação, a agremiação chamou a atenção com um balão gigante que fez uma bailarina flutuar a cerca de 10 metros do chão.

A escola trouxe para a Marquês de Sapucaí cinco balões de gás hélio para o enredo "Com a sorte virada para a lua segundo o testamento da cigana Esmeralda", comandado pelo carnavalesco Leandro Vieira.

Para inflar e preparar esses balões, a Imperatriz utilizou um caminhão carregado com cilindros de gás hélio. 

Bailarina voa durante desfile da Imperatriz
Bailarina voa durante desfile da Imperatriz
Foto: Alexandre Brum/Especial para o Terra

Já a Beija-Flor soltou bolhas de fumaça e nitrogênio durante seu desfile na Marquês de Sapucaí. O técnico responsável por esse efeito, Rodrigo Marques, explicou à imprensa que uma máquina jogava o nitrogênio com fumaça, formando uma bolha.

Ao ser tocada, a bolha soltava uma fumaça, causando o efeito especial da última alegoria da escola. As máquinas foram importadas da China e cada uma custou R$ 50 mil, segundo reportagem do g1. 

Com o enredo "Um delírio de Carnaval na Maceió de Rás Gonguila", Beija-Flor busca o 15º título no carnaval do Rio de Janeiro
Com o enredo "Um delírio de Carnaval na Maceió de Rás Gonguila", Beija-Flor busca o 15º título no carnaval do Rio de Janeiro
Foto: Douglas Shineidr/Especial para o Terra

Na Grande Rio, a musa Paolla Oliveira chamou a atenção não apenas por sua beleza, mas por protagonizar um dos efeitos especiais da escola, que a transformava em onça durante o desfile. 

Durante o desfile, o chapéu que ela usava se transformava em uma máscara tecnológica com o rosto do animal, que ainda brilhava os olhos e trazia grande originalidade. A junção de beleza e inovação e foi vangloriada na internet.

Nas redes sociais, a musa do carnaval mostrou detalhes da luxuosa fantasia de onça e relacionou o look ao enredo da Grande Rio. "Que a força da mulher onça amedronte os covardes e os faça chorar. Que a força da mulher onça acolha aqueles que não tem nada a temer. Que a força da mulher onça seja imensa e vencedora. E aquele que fizer força de oposição será devorado", escreveu.

'Onça' na Grande Rio, Paolla Oliveira quebra 'tradição' em fantasia de Carnaval e explica se rompeu com estilista. Veja!.
'Onça' na Grande Rio, Paolla Oliveira quebra 'tradição' em fantasia de Carnaval e explica se rompeu com estilista. Veja!.
Foto: Divulgação, Alex Ferro | Riotur / Purepeople

A Grande Rio apostou também na "xyloband", pulseira luminosa que acende e muda de cor em sincronia e é controlada remotamente. No total, a agremiação distribuiu 55 mil pulseiras luminosas para o público na arquibancada.

Essa é a mesma pulseira utilizada pela banda Coldplay em seus shows para criar um efeito visual em sincronia com as músicas tocadas. 

O acessório é controlado por infravermelho à distância. A tecnologia de comando é praticamente a mesma de um controle de remoto de TV.

6 aplicativos essenciais para curtir o Carnaval 6 aplicativos essenciais para curtir o Carnaval

Jason Regler é o inventor responsável pela pulseira de LED que roubou a cena no RiR 2022. Segundo o próprio, a música "Fix You", um dos maiores sucesso do Coldplay, foi a inspiração para a criação do acessório. Ele é fã da banda e começou a desenvolver o protótipo em 2005, quando os britânicos participaram do Glastonbury Festival.

Desde então, a inovação já foi usada em shows de outras bandas, principalmente no mundo do K-Pop, eventos esportivos, grandes festivais e festas privadas. Porche, Redbull, Coca-cola, Nike, Vodafone, Heineken e MTV são alguns dos clientes mais famosos que usam o acessório brilhante.

Fonte: Redação Byte
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade